ALAGOINHAS

ALAGOINHAS

Transporte de Geddel de penitenciária ao STF custa R$ 2,5 aos cofres públicos

terça-feira, 22 de outubro de 2019

/ by REDAÇÃO

julgamento dos irmãos Vieira Lima no Supremo Tribunal Federal (STF) chega à quinta semana nesta terça-feira (22) e, para cada dia de sessão, os réus, o ex-ministro Geddel Vieira Lima, o irmão dele, ex-deputado Lúcio Vieira Lima, além de duas outras pessoas, têm de se deslocar até a Praça dos Três Poderes, em Brasília.
No entanto, Geddel está preso na Papuda desde setembro de 2017 e, para comparecer ao julgamento, necessita de um esquema especial de segurança. Por meio de Lei de Acesso à Informação, o BNews solicitou à Subsecretaria do Sistema Penitenciário do Distrito Federal (Sesipe) os custos para o deslocamento do baiano até o STF.
O órgão afirmou que não possui “autonomia financeira e, portanto, não compete a ele estimar os custos”. No entanto, a Sesipe declarou que o cálculo para transportar um preso “envolve desde o valor médio de combustível utilizado nas viaturas até o gasto com segurança - agentes e veículos, além de outros elementos”.
Desta forma, ao levar em consideração que, de acordo com a Subsecretaria, as escoltas dos detentos são realizadas em veículos tipo Blazer ou S10, que utilizam gasolina, bem como que o salário médio mensal de um agente de escolta e vigilância penitenciária do Distrito Federal é R$ 3.326, aliando tudo isso à distância entre a Papuda e a Praça dos Três Poderes (40km ida e volta), é possível calcular o custo médio de deslocamento do ex-ministro até o local da sessão.

- Bnews

Nenhum comentário

Postar um comentário

Don't Miss
© Todos os direitos reservados
Desenvolvimento by Agência Alves Comunicação Digital...