ALAGOINHAS

ALAGOINHAS

POLICIAL

POLÍTICA

ESPORTE

MUNDO

DIA DO RADIALISTA

Nenhum comentário

21 de setembro é uma das datas mais festivas do Brasil.
Dia da Árvore e Dia da Primavera são referenciais de alegria e de vida preservada, porém o DIA DO RADIALISTA ressalta estes momentos de lazer e entretenimento marcantes no dia 21 de setembro, desde 1943.

As grandes festas do rádio, as rainhas do rádio, a confraternização com a comunidade, tudo isso marcou pelo menos sete décadas, até os dias de hoje quando o rádio enfrenta uma concorrência forte, da televisão, outras mídias e das redes sociais.

Até mesmo o governo federal, em 2006, contribuiu para reduzir este chama radiofônica, quando decretou outra data,  7 de novembro, como DIA DO RADIALISTA, em homenagem a Ary Barroso, grande músico e grande radialista.

Talvez a gente não tenha muito o que comemorar nos dias atuais com a invasão do meio por outros interesses, porém faço questão de ressaltar a minha realização pessoal em atuar no rádio desde 1961 quando ingressei na antiga Rádio Emissora de Alagoinhas, fundada em 02 de julho de 1954, atual 95 FM.
Meu respeito aos empresários sérios do rádio de Alagoinhas e aos colegas radialistas éticos e profissionais.
Belmiro Deusdete

AUDIÊNCIA PÚBLICA DEFINE A LOCALIZAÇÃO DA SEGUNDA SEDE DO CONSELHO TUTELAR EM ALAGOINHAS

Nenhum comentário

Fruto do requerimento nº 028/19 de autoria do vereador José Cleto (Cleto da Banana), foi realizada no dia 17 de setembro na Câmara Municipal, mais uma Audiência Pública para tratar da instalação da segunda sede do Conselho Tutelar de Alagoinhas.

Ao iniciar o encontro, o vereador autor esclareceu o próximo passo para a implantação: “Que possamos sair daqui com a decisão tomada para que a Secretaria possa tomar as devidas providências.”

Compuseram a mesa: José Cleto; vereador, Ivone Pereira; representante do Conselho de Educação, Freddy Groven; fundador da Pastoral do Menor de Alagoinhas, Marleide Silva; Subtenente do 4º BPM, José Alfredo Menezes; Secretário de Assistência Social, Leydiane Rocha; Presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente e Jean Afonso; Secretário de Educação.

Padre Freddy destacou durante a sua fala: “A nossa cidade até hoje está dividida em duas grandes partes separadas pela linha do trem. O Conselho atual está do lado para Alagoinhas Velha. Temos que procurar um lugar do lado oposto e quando a gente vê exatamente as necessidades, as vulnerabilidades, sem dúvida nenhuma, com muita tranquilidade, eu quero aqui defender o bairro do Mangalô para o próximo Conselho Tutelar.”

Ficou definido que a próxima sede do Conselho será instalada no bairro do Mangalô. Vale ressaltar que o bairro foi escolhido com a participação popular, já que duas audiências sobre o tema foram realizadas na Casa Legislativa. Para a seleção foram levados em consideração critérios como o número de ocorrências nos bairros, entre outros.

Ascom - Câmara Municipal de Alagoinhas

AUDIÊNCIA PÚBLICA EM FAVOR DA PERMANÊNCIA DA SUBSEÇÃO DA JUSTIÇA FEDERAL EM ALAGOINHAS É REALIZADA NA CÂMARA

Um comentário

Fruto do requerimento nº 034/2019, de autoria do vereador Anderson Baqueiro, foi realizada no dia 19 de setembro na Casa Legislativa a Audiência Pública para discutir a permanência da subseção da Justiça Federal em Alagoinhas.

Ao iniciar a sessão, o vereador autor justificou a realização: “Estamos aqui nessa tarde em uma missão árdua que é debater a presença de um órgão tão importante na cidade de Alagoinhas que é a subseção da Justiça Federal na nossa cidade”, pontuando ainda posteriormente que foi na Câmara que se iniciou a 1ª audiência para instalação da subseção no ano de 2012.

A mesa foi formada por: Anderson Baqueiro; vereador, Major Clemerson; 4º BPM, Gustavo Carmo; advogado e secretário de governo da Prefeitura Municipal de Alagoinhas, Vanderson Schramm; CONSEG (Conselho comunitário de Segurança Pública de Araçás), Vinícius Santos; delegado da CAAB (Caixa de assistência dos advogados da Bahia), Paulo Pinto; advogado e ex-presidente da Subseção OAB Alagoinhas, Dr Igor Matos Araújo; Juiz Federal e Thais Faro; advogada e presidente da OAB Alagoinhas.

Dr. Igor Matos esclareceu durante a sua fala que o processo decisório da permanência ou não da subseção de Alagoinhas atualmente encontra-se junto ao Tribunal Regional Federal da 1ª região, e num dado momento pontuou: “O custo anual da subseção hoje transcende a questão do aluguel, é em torno mais ou menos de 1 milhão de reais anualmente pra manter a subseção.”

Dra. Thais Faro, após cumprimentar a todos esclareceu: “Quando a gente conquista é muito dolorido, é muito gravoso a gente admitir a saída de algo que nós tanto comemoramos, algo que foi conquistado com a luta de muita gente, dos vereadores desta casa, da própria subseção na pessoa de Dr. Paulo Pinto. Então, é algo muito grave, a gente não pode receber essa postura, essa recomendação do TRF ainda que haja toda essa racionalidade justificada. A gente não pode receber isso e não fazer nada.”

Ao final, o vereador Anderson Baqueiro agradeceu aos vereadores e todos os presentes e ressaltou: “Passamos por um momento difícil, precisamos nos unir, dar as mãos. Só conseguiremos sair vitoriosos a partir do momento que a gente conseguir realmente fazer essa mobilização política e da sociedade civil organizada, buscando essa solução viável não só para Alagoinhas como para toda a região. Perder hoje a subseção da Justiça Federal em Alagoinhas é perder uma parte da democracia social, é perder uma parte do acesso da população à justiça.”

Ascom - Câmara Municipal de Alagoinhas
Foto - Kekeu Barreto

Prefeitura de Pedrão realiza primeiro Baile dos anos 1960.

Nenhum comentário


A Secretária Municipal de Assistência Social e o Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) realizaram o primeiro baile da década de 1960 para o grupo de convivência.

As mulheres participaram vestidas a caráter e a ideia foi que todos entrassem no clima daquela época. 

No decorrer do evento foi comemorado o aniversário de uma das integrantes do grupo, dona Odete, e na semana dos Idosos houve muita diversão bem como escolha da rainha e da princesa do baile. 

Mais uma ação do governo Trabalhando Por Nossa Gente.

Texto e fotos Joanes Fernando

Estuprador é preso em Simões Filho

Nenhum comentário
Investigadores da 22ª Delegacia Territorial (DT/Simões Filho) prenderam, na última quarta-feira (18), Eucimar Veloso Juriti, acusado de estuprar duas adolescentes.
Flagrado com um revólver calibre 38, municiado e de numeração raspada, Eucimar estava a bordo de um veículo, no bairro de Ilha de São João e tentou fugir quando avistou os policiais.
O delegado Ciro Palmeira Carvalho, titular da 22ª DT/Simões Filho, vai solicitar à Justiça a prisão preventiva de Eucimar, por estupro de vulnerável. A investigação está em andamento na unidade desde o último dia 12, quando as vítimas registraram a ocorrência.
O crime ocorreu no dia 11 de setembro e as vítimas e testemunhas, que reconheceram o autor, já foram ouvidas na delegacia, que expediu as guias pericias.
Segundo o delegado, Eucimar negou o estupro, mas confirmou ter mantido relações sexuais com as vítimas, alegando não saber que se tratava de adolescentes.
Autuado em flagrante por porte ilegal de arma, ele está custodiado na 22ª DT, à disposição da Justiça e será encaminhado para audiência de custódia. A arma apreendida já seguiu para a perícia, no Departamento de Polícia Técnica (DPT).

Advogado denuncia golpe em jovem por suposto estelionatário

Nenhum comentário

O advogado Newton Dias acusa o empresário Igor Lobo Melo de aplicar um golpe na jovem Mariana Isensee durante uma viagem à uma ilha em Recife. A Agência de Turismo e Viagem CVC entrou com uma ação contra Igor e Mariana após não ter sido pago um pacote de turismo, com serviços incluídos de passagens aéreas de ida e volta, no valor de R$ 11.342,96. Segundo a ação, o pagamento foi feito mediante Cartão de Crédito do empresário e foi estornado pela operadora. 
Em contato com o BNews, o advogado Newton Dias explicou que Mariana foi vítima de um golpe. “Mariana foi induzida a erro. O affair dela na época disse que o funcionário da CVC tinha uma dívida com ele e nunca existiu esse funcionário. Ele disse que ia trocar a dívida por emissão de uma passagem para Noronha”. Segundo ele, a suposta vítima pagou a parte dela. “Inclusive Mariana pagou a parte dela ao Igor. O caso aconteceu em fevereiro deste ano de 2019.
Após ter conhecimento do seu nome no processo, o advogado de Mariana entrou em acordo com a CVC. 
O acusado enviou um áudio, veiculado no programa Balanço Geral, onde reconhece a dívida. “Claro que a dívida é dos dois, a audiência ainda foi marcada para outubro”, diz Igor.  Mariana justificou que não tinha conhecimento do débito e, inclusive, pagou sua parte ao ex-namorado e nesta quinta (19) fez um acordo com a CVC pagando a metade do valor da dívida em troca da retirada do nome no processo. 
O advogado de Mariana revelou que ingressou com uma ação de reparação contra o Igor Melo e recorreu ao Ministério Público da Bahia (MP-BA) pedindo medida protetiva em favor dela, por ameaça. Mariana também acusa o ex de agressão e o denunciou na delegacia da Mulher. “Estamos na delegacia para denunciar de agressão, enquadrado na lei Maria da Penha e pedimos ainda medida protetiva que deve ser concedida ainda hoje”, explicou Newton Dias. 
A suposta vítima afirmou que passou a receber mensagens pejorativas nas redes sociais, memes com fotos suas vinculadas ao crime de estelionato e ligações. “Todas as pessoas que estão compartilhando em caráter doloso a figura dela relacionado a estelionato responderão tanto na seara cívica quanto criminal”, disse o advogado.
© Todos os direitos reservados
Desenvolvimento by Agência Alves Comunicação Digital...