ALAGOINHAS

ALAGOINHAS

POLICIAL

POLÍTICA

ESPORTE

MUNDO

'China cada vez mais faz parte do futuro do Brasil', diz Bolsonaro

Nenhum comentário

O presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta quarta-feira (13), após reunião com o presidente da China, Xi Jinping, que o país asiático "cada vez mais faz parte do futuro do Brasil". Ele disse ainda que pretende diversificar as relações comerciais com a China.

Bolsonaro e Xi Jinping se reuniram em Brasília e deram uma declaração à imprensa no Palácio do Itamaraty. Os dois presidentes participarão na capital federal do encontro de cúpula do Brics, grupo de economias emergentes formado por Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul, de acordo com o G1.

O presidente do Brasil lembrou que a China é o principal parceiro comercial do Brasil.“A China é o nosso primeiro parceiro comercial e juntamente com toda a minha equipe, bem como com o empresariado brasileiro, nós queremos mais do que ampliar, diversificar as nossas relações comerciais”, disse.

Durante o encontro, os governos brasileiro e chinês assinaram atos de cooperação em diversas áreas. Bolsonaro destacou que o futuro do Brasil conta com a parceria com a China.

“Os acordos assinados, bem como os protocolos de intenção, serão potencializados por nós para o bem dos nossos povos. A China cada vez mais faz parte do futuro do Brasil. Nosso governo vai cada vez mais tratar com devido carinho, respeito e consideração esse gesto do governo chinês”, explicou.

No discurso do líder chinês, ele disse que tem a expectativa de fortalecer a cooperação com o Brasil. Xi acredita que os dois países vão trabalhar juntos para garantir o avanço do "navio da amizade China-Brasil".

"Daqui para frente, a amizade e cooperação sino-brasileira têm um futuro promissor e proeminente, com confiança ainda maior. Vamos trabalhar juntos para garantir que o navio da amizade China-Brasil avance na direção correta, supere todas as dificuldades e chegue com passos firmes a um futuro mais brilhante", declarou.

Segundo Xi Jinping, os dois países intensificarão as relações para "aumentar e melhorar o comércio e investimentos" em áreas como, agricultura, tecnologia e infraestrutura. O Brasil tem um programa de privatizações e os chineses trabalham na criação de uma nova rota da Seda.

"Vamos continuar discutindo alinhamento na Iniciativa do Cinturão e Rota e o PPI [programa de concessões brasileiro]. Realizar a cooperação em agricultura, energia e mineração, óleo e gás, eletricidade, infraestrutura, ciência e tecnologia, inovação, economia digital, entre outras áreas", afirmou.

De acordo com o Palácio do Planalto, o governo brasileiro assinou nove compromissos com o governo chinês, entre tratados e memorandos. Os principais são:

Justiça: tratado prevê a possibilidade de que brasileiros condenados na China cumpram pena estabelecida pelo judiciário chinês no Brasil. O mesmo valeria para chineses condenados pela justiça brasileira. Eles poderiam cumprir a pena no país natal. O tratado, no entanto, condiciona a efetividade do acordo ao cumprimento de requisitos não especificados.

Transportes: memorando permite o compartilhamento de informações relacionadas a políticas públicas e desenvolvimento da área, incluindo infraestrutura de transportes, segurança dos usuários entre outros temas.

Frutas: protocolo anunciado fixa requisitos para a exportação de pêras frescas da China para o Brasil e de melões do Brasil para a China. Segundo o Itamaraty, este é o primeiro protocolo firmado pela China sobre frutas. O objetivo é evitar pestes e pragas endêmicas do país que exporta a fruta.

Comércio e serviços: memorando para “fortalecer e diversificar ações de cooperação” no setor. O documento divulgado não diz quais serviços serão alvo dessa cooperação, mas aponta a necessidade de “encorajar o investimento do setor privado” para melhorar o bem estar dos cidadãos.
Investimentos: o ato estabelece uma plataforma para fomentar a ampliação dos investimentos e a geração de empregos. A China é uma das principais investidoras diretas no Brasil, principalmente em áreas de energia e infraestrutura logística.

Cultura: memorando entre o Ministério da Cidadania e a estatal China Media Group buscará promover o intercâmbio cultural e audiovisual (cinema e TV). O acordo prevê troca de filmes, programas de TV e promoção de festivais de cinema para a divulgação dos produtos. Os países vão conversar, ainda, sobre a criação de um canal de TV a cabo exclusivo para programas e filmes sino-brasileiros.

A programação do encontro do bloco prevê compromissos nesta quarta-feira (13) e quinta-feira (14), com um fórum empresarial do Brics e reuniões dos chefes de Estado e de governo dos cinco países.

- Bahia Notícias

Senado aprova proibição de exposição de cigarros em pontos de venda

Nenhum comentário

O Senado aprovou, em votação simbólica nesta terça-feira (12), um projeto de lei que proíbe a exposição de cigarros em pontos de venda, determina a eliminação de substâncias que conferem sabor e pune quem fumar em veículos com menores de 18 anos, o que passa a ser infração gravíssima.

O texto ainda precisará passar pela Câmara, onde pode sofrer modificações.A intenção de várias das medidas do projeto é desestimular o contato de crianças e adolescentes com o fumo. A legislação atual já proíbe propaganda comercial de cigarros, cigarrilhas, charutos, cachimbos e outros produtos derivados ou não do tabaco. Pelo novo projeto de lei, ficaria proibido também o uso de máquinas automáticas na comercialização de derivados do fumo.

A proposta aprovada pelos senadores inclui também na proibição a publicidade, a promoção e o patrocínio de produtos de tabaco.Pelo projeto, também ficaria proíbe a importação e comercialização de produtos derivados do tabaco com substâncias que dão sabor ou aroma aos cigarros. Trata-se de uma tentativa de barrar um artifício usado para atrair jovens para o consumo.

A proposta também muda a aparência dos pacotes. As embalagens de cigarros e outros derivados do fumo passariam a ter um formato padrão com advertências e informações sobre danos à saúde --atualmente já exigidas pelo poder público. O fabricante, por sua vez, terá 35% da face frontal e 35% da face superior da embalagem para colocar sua marca. Ficam mantidos 100% da face posterior, 100% de uma das laterais e 30% da face frontal como espaço destinado a cláusulas e imagens de advertência.

O projeto prevê que as medidas entram em vigor 90 dias após a transformação em lei. O autor da proposta é o senador José Serra (PSDB-SP). Foi Serra que em 2009, quando governador de São Paulo, instituiu no estado a proibição do fumo em locais públicos e acabou com os "fumódromos" em estabelecimentos comerciais e ambientes de trabalho --extinguindo a prática dentro de bares, restaurantes, casas noturnas, escolas, museus, shoppings, lojas e repartições públicas.

"Foram quase cinco anos de tramitação, com forte obstrução no âmbito da sociedade e da indústria tabagista. Hoje, o Senado dá uma mensagem clara de que a saúde dos brasileiros é a prioridade", disse. "São milhares e milhares de famílias que vivem legalmente dessa atividade, que é uma atividade legal. O que estão fazendo agora com o cigarro, amanhã, vão fazer com a cerveja e, num outro dia, vão fazer com o refrigerante e outras coisas mais, pois há projetos nessa mesma direção", afirmou o senador Luis Carlos Heinze (PP-RS), um dos maiores opositores do projeto. "Minha preocupação é essa."

Sucuri assusta moradores de Candeias

Nenhum comentário

Uma cobra gigante assustou os moradores do município de Candeias, nesta quarta-feira (13). Segundo fontes do BNews, o animal, que seria uma sucuri, apareceu no bairro de Urbis, próximo a um matagal. 
Ainda não há informações sobre o resgate do animal. 

Salvador tem quarto maior nº de indenizações do DPVAT no Nordeste

Nenhum comentário

Salvador ocupa o quarto lugar no ranking de cidades nordestinas com maior número de indenizações pelo Seguro DPVAT, extinto pelo governo Jair Bolsonaro. Foram 1.810 acidentes indenizados no ano passado na capital baiana.
A capital do Ceará, Fortaleza, lidera a lista com 5.520 indenizações, seguida por Teresina (2.968) e Recife (2.644). 
Os dados são divulgados em boletim da Seguradora Líder, responsável pela administração do Seguro DPVAT. 
Já todo o estado da Bahia ocupa a oitava posição na lista de estados com maior número de indenizações pelo seguro. No estado, foram 15.958 indenizações pagas por acidentes de trânsito em 2018. Deste total, 2.710 foram por morte, 9.787 por invalidez permanente e 3.461 por reembolso de despesas médicas. 
O relatório da seguradora ainda faz um perfil dos indenizados no estado (veja abaixo).
No ranking nacional de maior número de indenizações, São Paulo fica à frente com 39 mil, seguido por Minas Gerais (37 mil), Santa Catarina (22 mil), Ceará (22 mil), Paraná (21 mil), Goiás (19 mil), e Rio Grande do Sul (18 mil). 
O que é o DPVAT
O seguro oferecia cobertura para todas as vítimas de acidentes de trânsito registrados em território nacional. A proteção ficava assegurada por um período de até três anos, dentro das três coberturas previstas em lei: morte, com indenização de R$ 13,5 mil; invalidez permanente, de até R$ 13,5 mil; e despesas médicas e suplementares, de até R$ 2.700. O valor era estabelecido de acordo com o local e intensidade da sequela. 

Rui vai jantar com Lula e governadores do Nordeste no Palácio de Ondina

Nenhum comentário

O governador da Bahia, Rui Costa (PT), vai jantar, hoje (13) à noite, com o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), no Palácio de Ondina. O encontro deve reunir também os governadores do Nordeste, segundo informações do portal Bahia Notícias.
Lula desembarca na capital baiana para participar do encontro da Executiva nacional da sigla. Esta será a primeira vinda do ex-presidente a Salvador desde que deixou a Superintendência da Polícia Federal em Curitiba. O jantar também vai ser o primeiro encontro entre Rui e Lula desde as declarações do governador à revista Veja (relembre abaixo).

- Metro 1

ACONTECE NA CÂMARA

Nenhum comentário


Na sessão ordinária realizada na Câmara Municipal de Alagoinhas na última terça-feira (12), constaram no expediente e foram lidas para encaminhamento ao Poder Executivo:

- Indicações nº 087/2019 e nº 089/2019, de autoria do vereador José Carlos Lins (Pastor Lins), solicitando que se digne autorizar a execução dos serviços de pavimentação na 6ª Travessa do Severino Vieira, no Jardim Petrolar e para que sejam autorizadas, em caráter de urgência, as obras de pavimentação asfáltica no Parque São Francisco e Brisas do Catu.

Em atenção ao ofício nº 098/19 encaminhado à Secretaria Municipal de Administração pelo Presidente Roberto Torres (em atendimento à solicitação da bancada oposicionista), a secretária Leila Carla Vila Flor compareceu à Casa Legislativa para prestar esclarecimentos acerca do último concurso público realizado, providências tomadas para apurar as irregularidades e andamento das apurações, assim como informações sobre a realização do novo concurso público de nº 002/2019, critérios utilizados, segurança, lisura do processo, realização das provas e processo licitatório. 

O espaço da tribuna popular foi utilizado pelo Sr. Marcus Casaes, empresário e vice-presidente da AJE Bahia (Associação de Jovens Empreendedores da Bahia), que fez uma apresentação sobre o tema: Educação e Inovação como Instrumento de Promoção da Igualdade Racial.

Na ocasião foi promulgada a lei nº 2.495/2019 que altera e dá nova redação ao art. 14 da lei nº 2.381/2017 e dá outras providências.

A próxima sessão ordinária será realizada no dia 19 de novembro, em horário regimental.

Ascom - Câmara Municipal de Alagoinhas
Foto - Kekeu Barreto
© Todos os direitos reservados
Desenvolvimento by Agência Alves Comunicação Digital...