ALAGOINHAS

ALAGOINHAS

Ativista LGBT é assassinado em Lauro de Freitas

quarta-feira, 17 de abril de 2019

/ by REDAÇÃO

Fundador e ex-presidente do Grupo Gay de Lauro de Freitas, Alessandro Bráulio Matos Fraga, de 33 anos, foi assassinado no último sábado (13). Alessandro era funcionário público e trabalhava no  Centro de Teste e Aconselhamento (CTA) coordenando serviços de saúde para detecção de HIV, hepatite C e da sífilis. O corpo do ativista foi encontrado na localidade de Pedreira, entre Simões Filho e Lauro de Freitas, com sinais de estrangulamento, pauladas na cabeça e também marcas de tiros. As informações são do jornal Correio.

De acordo com testemunhas, ele estava bebendo com amigas num bar próximo de casa, na Rua São Jorge, no centro de Lauro, quando foi ao banheiro de sua residência. Logo após ele foi visto entrando no seu carro, modelo Fox, falando ao celular. Alex, como era conhecido, teria deixado porta e as janelas abertas, como um sinal de que não demoraria a retornar.

Na manhã do dia seguinte parentes e amigos decidiram fazer uma ronda e procuraram em hospitais e centros de saúde. Pela tarde foram ao Instituto Médico Legal Nina Rodrigues (IML)  e encontraram o corpo do servidor. A perícia ainda não confirmou a causa da morte. O caso nestá sendo investigado pela 22ª Delegacia de Simões Filho


Nenhum comentário

Postar um comentário

Don't Miss
© Todos os direitos reservados
Desenvolvimento by Agência Alves Comunicação Digital...