ALAGOINHAS

ALAGOINHAS

Mulher procura a imprensa para denunciar ex namorado

segunda-feira, 30 de setembro de 2019

/ by REDAÇÃO


Neste sábado dia 28 fui acionado via aplicativo de mensagens whatsapp, onde uma mulher pedia ajuda para que fosse divulgado um texto, ela conta os maus momentos que tem passado nos últimos dias.
Segundo a nota, a vítima disse que conheceu um cidadão a pouco tempo, e logo notou que o seu comportamento era agressivo, que a todo momento ele queria controlar os seus passos, tentando lhe manipular com ciúmes excessivos, e queria também que ela se afastasse da família e do filho.


Palavras dela
Na ultima segunda feira dia 23 não aguentei mais essa tortura e decidi sair de casa, e vim para um endereço desconhecido de todos.
Por não ter mais contato comigo, ele passou a mandar mensagens de SMS para uma tia minha, me ameaçando e dizendo que se não me encontrasse pegaria  o meu filho no colégio.
Ele passa o tempo todo na frente da casa de minha família numa tentativa de me ameaçar.





Aumento da insegurança
Quarta feira passada quando foi dar queixa na DEAM, tomei conhecimento de que ele já tinha diversas entradas naquela delegacia por conta de agressões a várias mulheres.
Problemas de saúde
Há cerca de três anos, foi diagnosticada com  pedras na vesícula, e tive que passar três dias internada no hospital Dantas Bião, agora necessito de fazer uma cirurgia e não sei mais o que fazer.
Difamação e calúnia
No domingo agora dia 29 ele ainda enfurecido porque não  conseguiu falar comigo, pegou uma foto minha e jogou em grupos de zap dizendo que eu tinha HIV, e que um colega dele tinha feito sexo comigo, e só depois contei que era soro positivo, ou seja me difamando para toda cidade.




Ameaças prosseguem
Por volta das 14 horas de ontem ele mandou nova mensagem para minha tia dizendo que eu tinha me envolvido com um policial do CETO, mas que não ia adiantar, pois ele me pegaria ou a meu filho, está tudo registrado no meu aparelho celular e no de minha tia.
 Delegacia da mulher ontem dia 30
A delega me disse que eu tinha de aguardar a medida  protetiva sair, para ele ser intimado afim de tomar conhecimento, assim é a lei.
Aí nesse caso se ele tornasse a me importunar ou me agredir ele iria ser preso.
Pedido de socorro
E até lá  como eu fico?
Estou doente, sem poder trabalhar, meu filho esta sem ir à escola, pelo amor de Deus me ajudem.

Nenhum comentário

Postar um comentário

Don't Miss
© Todos os direitos reservados
Desenvolvimento by Agência Alves Comunicação Digital...