ALAGOINHAS

ALAGOINHAS

Lula pode deixar prisão em Curitiba e ir para regime domiciliar

quinta-feira, 11 de abril de 2019

/ by REDAÇÃO

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) pode deixar a cela da Superintendência da Polícia Federal de Curitiba e ir para o regime domiciliar. Segundo informações do jornal Estado de Minas, a expectativa é que no próximo dia 23 de abril a condenação do ex-presidente seja mantida no Superior Tribunal de Justiça (STJ), assim como foi recomendado na terça-feira (09), pelo Ministério Público.

A defesa do petista acredita na absolvição dele na acusação de lavagem de dinheiro no processo do triplex do Guarujá (SP), isto porque, segundo os advogados, Lula não incorporou o imóvel, deste modo, não estaria caracterizado como crime de lavagem de dinheiro. Caso haja esta exclusão, a pena dele poderá ser reduzida, o que resultaria na progressão de regime.

Com a mudança, a condenação de 12 anos e um mês de prisão pelo Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4) ficaria menor e, com mais de um ano de prisão, ele já estaria prestes a cumprir um sexto da pena, podendo, desta forma, conseguir o benefício do regime semiaberto. No entanto, pelo sistema penitenciário não conseguir garantir a segurança do petista, ele poderia ser enviado para prisão domiciliar.

Prefeito de Alagoinhas e médico do Atlético-BA será julgado por xingar árbitro

O prefeito de Alagoinhas e médico de Atlético-BA, Joaquim Neto (DEM), foi denunciado pela expulsão e por sua conduta na partida entre Carcará e Bahia, no Carneirão (Relembre o caso). Neto será julgado nesta quarta (10), a partir das 18h, pelo Tribunal de Justiça Desportiva do Futebol da Bahia (TJD-BA). O árbitro da partida, Bruno Pereira Vasconcelos, revelou, na súmula, ter sido xingado pelo médico.

“Após o término do primeiro tempo, este mesmo, invadiu o campo de jogo e partiu em nossa direção, falando: “Você é ladrão e por isso não vai a lugar nenhum, por isso que essas m* não saem da Bahia”. Por isso precisamos da ajuda do policiamento para irmos ao vestiário. Na saída, o médico ainda falou: “vocês são uma cambada de filhos da p*, ladrões, safados”. Vale salientar ainda que mesmo tendo sido expulso aos 25 minutos, ele permaneceu no banco de reservas, pois sua equipe não possuía um substituto, desta maneira a regra do jogo permite a sua permanência”, informou o árbitro.

Na oportunidade, o Atlético de Alagoinhas saiu derrotado por 2 a 0 para o Bahia em partida válida pelo jogo de volta das semifinais do Campeonato Baiano. O resultado acabou eliminando o Carcará da competição estadual.

Nenhum comentário

Postar um comentário

Don't Miss
© Todos os direitos reservados
Desenvolvimento by Agência Alves Comunicação Digital...