BAR1PRINC
an
 
 
Página Inicial  Contato Mundo  Arquivo Alagoinhas Entrevista Rádios

Telescópio Hubble continua em missão até 2021, diz NASA

A Agência Espacial dos Estados Unidos (NASA) anunciou nesta sexta-feira (24) que vai estender a missão do telescópio espacial Hubble por mais cinco anos, até 2021. Esta medida significa que o Hubble, que foi posto em órbita em 1990...

Policial perde emprego por evangelizar durante horário de trabalho

Um membro da policia rodoviária do estado de Indiana foi demitido após ser acusado de constranger os cidadãos por que falou sobre sua fé com eles. Ele está sendo processado pela segunda vez ...

 
 





 

Google:                                          

CONTATO

linha190
 
 
 
 
  
 

Enquete

 

O que você prefere ouvir?

  • Arrocha
  •  
  • Pagode baiano
  •  
  Tel: (75) 3422-3727
 
 
 
 
 
 
 
 
 

 

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Publicidade


Compre na Feira Tintas e concorra a uma moto 0 km

Quer pintar a sua casa gastando muito menos?

Aproveite o saldão de São João da Feira Tintas.

Confira:

Tinta Coral, lata 18 Litros, de R$ 139,90 por apenas R$: 108,90.´è isso mesmo, é Coral, por apenas R$: 108,90... Tá muito barato.

E tem mais, comprando na FEIRA TINTAS você ainda concorre a uma moto zero quilometro.

Feira Tintas, imbatível nos preços baixos.

No Centro, atrás das lojas Americanas e na Santa Terezinha, em frente ao Jovem Posto.

 

Nestor Cerveró é vaiado no desembarque em aeroporto no Rio de Janeiro

24 de Junho de 2016 - 18:20

O ex-diretor da Petrobras, Nestor Cerveró foi vaiado e xingado de “ladrão” por passageiros no desembarque no Aeroporto Antônio Carlos Jobim/Galeão, no Rio de Janeiro, no final da manhã desta sexta-feira (24). De acordo com informações são do Jornal Folha de São Paulo, Cerveró viajou escoltado por agentes da Polícia Federal nos fundos da aeronave que lhe trouxe de Curitiba, e foi o último a deixar a aeronave. "Ele roubou e está voltando para casa com privilégios. Deveria ter saído pelo portão de desembarque, para mostrar a cara para a população", disse a professora Benely dos Santos, 56, que estava no voo. Após deixar o aeroporto pela área de serviço, Ceveró seguiu para Petrópolis, onde cumprirá pena em regime domiciliar.

Libra atinge mínima em 31 anos com votação por saída do Reino Unido da UE

24 de Junho de 2016 - 17:40

A libra afundou 10% em valor, atingindo o ponto mais fraco desde 1985 nesta sexta-feira (24), após o Reino Unido ter votado por deixar a UE (União Europeia), provocando uma corrida de capital pela tradicional segurança do iene e do franco suíço. Além das maiores variações da libra na memória recente, o euro também caía com força contra o dólar. O franco saltou para o nível mais forte em quase um ano contra o euro, e o iene chegou ao nível mais alto em mais de dois anos. A libra caiu mais de 10% e atingiu US$ 1,3228, menor nível desde antes de as principais economias assinar um acordo para enfraquecer o dólar em setembro de 1985, no Acordo de Plaza. Às 7h40 ela se recuperava e era negociada a US$ 1,3686, mas ainda com queda de 7,9% no dia.

Dono da UTC, baiano Ricardo Pessoa é condenado a oito anos de prisão na Lava Jato

24 de Junho de 2016 - 17:30

O empreiteiro baiano Ricardo Pessoa, dono da UTC Engenharia, foi condenado pelo juiz Sergio Moro a 8 anos e 2 meses de prisão por corrupção e participação em organização criminosa nesta quinta-feira (23). De acordo com informações do jornal Folha de São Paulo, esta é a primeira sentença do delator da Operação Lava Jato. Graças ao acordo firmado com a Justiça, Pessoa deve cumprir a pena em regime aberto diferenciado, com uso de tornozeleira, até novembro de 2017. Ainda de acordo com a publicação, o empresário foi o único condenado na ação, que tratava do pagamento de propina pela UTC em obras da Petrobras, tais como a Refinaria Abreu e Lima, em Pernambuco, o Comperj, no Rio de Janeiro, e a Refinaria Getúlio Vargas, no Paraná.(BN)

"Grande herança negativa do governo Dilma é o vice-presidente", diz a petista

24 de Junho de 2016 - 17:20

Dilma Rousseff usou sua conta no Twitter para mandar um recado ao presindente interino, Michel Temer. "O governo é provisório e interino e as suas consequências nefastas não serão permanentes", escreveu a petista. Ela ainda afirmou que "a grande herança negativa do governo Dilma é o vice-presidente, hoje presidente interino e provisório". (N. ao Minuto)

Telescópio Hubble continua em missão até 2021, diz NASA

24 de Junho de 2016 - 16:40

A Agência Espacial dos Estados Unidos (NASA) anunciou nesta sexta-feira (24) que vai estender a missão do telescópio espacial Hubble por mais cinco anos, até 2021. Esta medida significa que o Hubble, que foi posto em órbita em 1990, continuará a sua atividade quando, em 2018, a NASA colocar em órbita o seu sucessor, o telescópio espacial James Webb. Após a última reparação espacial em 2009 e o fim das missões dos vaivém espaciais em 2011, que permitiram realizar missões de melhoria tecnológica, o Hubble não pode receber mais mantimentos. Não obstante, os cientistas da NASA consideram que o Hubble pode continuar em órbita, para além do prazo inicialmente estabelecido, e a explorar as partes mais obscuras do universo. "O Hubble poderá continuar a fornecer dados até aos anos de 2020 e assegurará o seu lugar na história como um dos grandes observatórios em temas que vão desde a observação do sistema solar à observação do universo mais distante", afirmou a NASA em comunicado. De modo a aumentar a missão são necessários cerca de 200 milhões de dólares em investimentos. O Hubble obtém informação no espectro visível e ultravioleta enquanto o telescópio James Webb operará na banda infravermelha. Este desempenho permitirá realizar comparações e observações mais aprofundadas do universo.

Teori contraria Janot e envia denúncia contra Lula para Justiça do DF

24 de Junho de 2016 - 16:30

O ministro do STF (Supremo Tribunal Federal) Teori Zavascki decidiu nesta sexta-feira (24) enviar para a Justiça do Distrito Federal a denúncia contra o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva sob acusação de envolvimento numa trama para comprar o silêncio e evitar a delação do ex-diretor da Petrobras Nestor Cerveró. A decisão contraria a posição do procurador-geral da República, Rodrigo Janot, que defendeu que o caso ficasse com o juiz do Paraná Sergio Moro. Teori entendeu que o caso é de responsabilidade da Justiça do DF porque a tentativa do crime teria sido praticada em preponderância na capital federal, mesmo tendo fatos no Rio de Janeiro e em São Paulo. O ministro cita, por exemplo, que o fato-chave do caso ocorreu em Brasília, onde o ex-senador Delcídio do Amaral (ex-PT-MS) foi gravado em uma conversa na qual ofereceu auxílio financeiro para evitar a colaboração premiada de Cerveró. Segundo Teori, o próprio Supremo já fixou que casos que não tenham conexão direta com a corrupção na estatal não devem ficar a cargo da Justiça do Paraná. Tais fatos não possuem relação de pertinência imediata com as demais investigações relacionadas às fraudes no "âmbito da Petrobras". Na semana passada, o ministro enviou para Moro e a força-tarefa da Lava Jato a maior parte das investigações sobre Lula -16 procedimentos- como os casos do tríplex em Guarujá e o sítio de Atibaia, em São Paulo. A denúncia contra Lula também tem como alvos Delcídio, o pecuarista José Carlos Bumlai, amigo de Lula, seu filho, Maurício Bumlai, o banqueiro Andre Esteves, Diogo Ferreira, ex-assessor do ex-senador, e Edson Ribeiro, ex-advogado de Cerveró. A ideia seria evitar que eles fossem delatados pelo ex-diretor. Segundo a Procuradoria, eles teriam atuado para comprar por R$ 250 mil o silêncio de Cerveró. A acusação tramitava no Supremo porque Delcídio tinha foro privilegiado. Ele, no entanto, foi cassado após se tornar delator da Lava Jato e implicar vários senadores do governo e oposição. A Procuradoria afirmou ao STF que Lula "impediu e ou embaraçou investigação criminal que envolve organização criminosa, ocupando papel central, determinando e dirigindo a atividade criminosa praticada por Delcídio do Amaral, André Santos Esteves, Edson de Siqueira Ribeiro, Diogo Ferreira Rodrigues, José Carlos Bumlai, e Maurício de Barros Bumlai", e pede a condenação de todos por obstrução da Justiça. Os investigadores analisaram e-mail, extratos bancários, telefônicos, passagens aéreas e diárias de hotéis. Em depoimento à Procuradoria, Lula disse que jamais discutiu com Delcídio a tentativa de obstruir a delação de Cerveró. A defesa de José Carlos Bumlai tem negado acusações. A defesa de André Esteves declarou que ele não cometeu nenhuma irregularidade. Com informações da Folhapress.

Zezé faz desabafo na web após polêmica envolvendo Safadão: 'respeite minha história'

24 de Junho de 2016 - 16:20

Após chamar Wesley Safadão de "emergente" em uma reposta a uma seguidora do Instagram na última quinta-feira (23), o cantor Zezé di Camargo voltou a causar nas redes sociais. Na manhã desta sexta, o cantor fez um desabafo na rede social por conta da repercussão negativa da afirmação."Não adianta tentar me mudar. Detesto o termo: politicamente correto. Não vou ser hipócrita pra falar e fazer o q as pessoas acham q tenho que fazer. Quem quiser gostar de mim, (vide o show de hj), quase 100,000 pessoas cantando com a gente. Goste como sou!!", escreveu, citando o show que fez ontem à noite na cidade de Santo Antônio de Jesus, no interior da Bahia.A polêmica começou depois de Zezé publicar uma foto em que aparece viajando em um avião comercial. Uma seguidora acabou alfinetando o cantor dizendo que ele estava "cada vez mais mão de vaca" e que artistas devem viajar de jatinho particular."Quando o WS (Wesley Safadão) começou fazer a sucesso, eu já estava fazendo a (sic) 23 anos. Artista quando começa fazer sucesso é assim: só anda de jatinho, Ferrari, barco de luxo etc. Conhece aquela palavra: emergente?!! Também já passei por essa fase", escreveu Zezé em resposta. Confira desabafo na íntegra:

"Não adianta tentar me mudar. Detesto o termo: politicamente correto. Não vou ser hipócrita pra falar e fazer o q as pessoas acham q tenho que fazer. Quem quiser gostar de mim, (vide o show de hj), quase 100,000 pessoas cantando com a gente. Goste como sou!! Não adianta vir me insultar com inverdades ou falta de conhecimento, q não vou deixar barato. Longe de mim querer ser polêmico. O ig é meu e não vou fazer média com ninguém. Antes de ser artista, sou um ser humano e não abro mão disso!! Se quiser gostar de mim assim, seja bem vindo. Se não, nem precisa vir aqui. Aqui é um lugar da verdade e pessoas do bem. Só devo satisfação as pessoas q compram meus discos, vão ao meu show e ficam hrs me esperando pra cantar comigo, os meus sucessos, Q convenhamos, não são poucos. Sou, faço e assumo tudo!! Sou homem de atitudes e não de provérbios. Graças a Deus sou dono do meu destino. Bem vindos os q pensam como eu e foda-se quem pensa o contrário. Alôôôô!! Nasci pobre, mudei minha vida e de todos q amo, com meu trabalho. E sou feliz assim!!! Da pra entender?!! Vc só tem duas escolhas aqui: respeite minha história ou respeite minha história!!! Entendeu?!!!", escreveu."

Mister M diz que sofre de doença terminal

24 de Junho de 2016 - 15:40

Val Valentino, a verdadeira identidade de Mister M, mágico que fez sucesso nos anos 1990 ao desvendar truques de ilusionismo em um quadro do Fantástico, e comprou briga com toda a sua classe, pode ter apenas um ano de vida. Em entrevista ao jornal O Globo, o americano contou que foi diagnosticado com uma doença terminal - sobre a qual não deu detalhes sobre qual. "Isso é incrível", disse ele, que ainda planeja fazer uma última série de apresentações. O ilusionista entretanto não sabe como será a turnê, que terá a agenda definida de acordo com o seu estado de saúde, que é imprevisível. "Na apresentação, quero revelar algumas mágicas, mas existem elementos que deixarão o público maravilhado", disse.

STJ decide que Paulo Henrique Amorim cumpra pena por injúria racial

24 de Junho de 2016 - 15:30

O Superior Tribunal de Justiça definiu no último dia 15 de junho que o jornalista e apresentador do "Domingo Espetacular", Paulo Henrique Amorim, cumpra pena de 1 ano e oito meses de reclusão. Ele foi condenado pelo Ministério Público do Distrito Federal e Territórios em 2013 por racismo contra o jornalista Heraldo Pereira, da Globo. Em um post em seu blog Conversa Afiada, publicado em 2010, Amorim chamou o colega de profissão de "negro de alma branca". Este não é o primeiro processo de injúria que Amorim sofre. No ano passado, ele foi condenado a pagar 30 salários mínimos por ofensas ao jornalista Merval Pereira.

Dólar sobe 1% no dia e fecha a R$ 3,38

24 de Junho de 2016 - 15:20

O dólar comercial quebrou uma sequência de duas quedas e fechou esta sexta-feira (24) em alta de 1,05%, cotado a R$ 3,38 na venda. O mercado foi influenciado pela decisão do Reino Unido de sair da União Europeia (UE). Apesar de subir no dia, a moeda norte-americana termina a semana com baixa de 1,19%. A desvalorização acumulada é de 6,44% no mês e de 14,39% no ano. Na véspera, o dólar havia caído 0,99% e atingido o menor valor em quase 11 meses. A libra esterlina, moeda do Reino Unido, fechou em queda de 7,96%, a R$ 4,609 na venda, enquanto o euro caiu 1,55%, vendido a R$ 3,756. nvestidores foram surpreendidos com o resultado do plebiscito que decidiu pela saída do Reino Unido do bloco europeu. Até a véspera, pesquisas apontavam uma disputa apertada, mas com ligeira vantagem para a permanência no bloco. Favorável à permanência britânica na UE, o premiê do Reino Unido, David Cameron anunciou sua renúncia ao cargo pouco depois de o resultado ser divulgado. Operadores acreditam que a saída britânica do bloco possa afetar a economia do mundo inteiro. Com isso, investidores tenderiam a assumir menos riscos, evitando aplicar recursos em mercados emergentes, como o Brasil. Dariam preferência a bens mais seguros, como dólar, fazendo com que a moeda suba. Desde o início da sessão, no entanto, analistas advertiam que a alta do dólar seria limitada pela perspectiva de novos estímulos de bancos centrais estrangeiros e até mesmo a possibilidade de o Federal Reserve (Fed, banco central norte-americano) postergar o aumento de juros. "Quando a poeira baixar, acreditamos que a decisão [do Reino Unido de deixar a UE] não deve ter efeito sustentado, especialmente fora do centro da Europa e do leste europeu", escreveram analistas do banco Societé Générale em relatório. No Brasil, o Banco Central disse, em nota, que está monitorando os mercados financeiros após o referendo britânico e que, caso necessário, "adotará as medidas adequadas para manter o funcionamento normal dos mercados financeiro e cambial". A moeda norte-americana chegou a subir 3,15% e atingir R$ 3,45 no início da manhã, mas perdeu força gradualmente após o comunicado do BC.

Líder do PSDB critica ação da PF que prendeu Paulo Bernardo

24 de Junho de 2016 - 13:20

O líder do PSDB no Senado, Cássio Cunha Lima (PB), criticou a ação da Polícia Federal que prendeu o ex-ministro do Planejamento Paulo Bernardo, marido da senadora Gleisi Hoffmann (PT-PR), nesta quinta-feira, 23. A Operação Custo Brasil, um desdobramento da Lava Jato, fez busca e apreensão no apartamento funcional de Gleisi em Brasília. ”É um abuso. Um juiz de primeiro grau não tem autorização para busca e apreensão no apartamento funcional de uma senadora. Só quem poderia autorizar essa ação é o Supremo”, afirmou Cunha Lima, que é advogado de formação. O senador confirmou que conversou com Lindbergh Farias (PT-RJ), um dos principais porta-vozes do PT no Senado, antes do início da sessão da Comissão Especial do Impeachment na manhã desta quinta, 23. Durante a reunião, que já dura mais de quatro horas, ninguém fez qualquer comentário a respeito da ação da PF que atingiu a senadora e o PT. ”É um constrangimento. Por mais que o embate político seja duro, há uma família por trás disso. Não há motivo para tripudiar, não tenho razão para soltar fogos pela prisão de ninguém. Há um limite de embate político e de respeito à pessoa humana”, afirmou Cássio. O senador relembrou que, apesar das críticas, também foi contrário à condução coercitiva do ex-presidente Lula e ao vazamento das gravações entre Lula e a presidente afastada Dilma Rousseff, que intensificaram os movimentos pró-impeachment.

Anticorpo da dengue é capaz de neutralizar zika, mostra estudo

24 de Junho de 2016 - 12:50

 

Dois novos estudos sobre os vírus da zika e da dengue mostram que a relação de familiaridade entre eles pode ser também de amor e ódio. Por um lado, dois anticorpos específicos contra a dengue se mostraram capazes de, potencialmente, também neutralizar o zika, indicando a possibilidade de desenvolvimento de uma vacina capaz de proteger contra as duas doenças simultaneamente. Por outro lado, viu-se que muitos dos outros anticorpos gerados nas pessoas infectadas com dengue acabam, na verdade, favorecendo a replicação do zika, o que traz novas pistas que podem indicar por que a epidemia de zika se espalhou tão rapidamente em um país que já vinha sofrendo com surtos de dengue. Os trabalhos, publicados nesta quinta-feira, 23, nas revistas Nature e Nature Immunology por um mesmo grupo de pesquisadores franceses e ingleses, podem parecer contraditórios à primeira vista, mas na prática eles jogam luz sobre a complexa relação da família dos flavivírus, da qual fazem parte os dois vírus, e também na imunologia. Na pesquisa da Nature, Félix Rey, do Instituto Pasteur, e colegas observaram que dois anticorpos específicos produzidos por pessoas que tiveram dengue são capazes de se ligar ao zika e neutralizá-lo, impedindo a infecção. Para os pesquisadores, essa descoberta lança a possibilidade de se desenvolver uma vacina universal contra os dois vírus.

Nomes dos alvos de pedidos de prisão na Operação Custo Brasil é divulgada

24 de Junho de 2016 - 12:40

A Polícia Federal divulgou nesta quinta, 23, os nomes dos alvos de pedidos de prisão no âmbito da Operação Custo Brasil, que investiga um esquema de corrupção que teria desviado R$ 100 milhões de contratos de tecnologia do Ministério do Planejamento. A operação é um desdobramento da 18ª fase da Lava Jato, a Pixuleco II, cuja investigação foi remetida à Justiça Federal em São Paulo. Além de Paulo Bernardo, ex-titular da pasta que foi preso nesta manhã em Brasília, e do ex-tesoureiro do PT João Vaccari Neto, que já está detido em Curitiba por causa de envolvimento com a Lava Jato, foram alvos:

- Daisson Portanova

- Dércio Guedes de Souza

- Emanuel Dantas

- Guilherme de Sales Gonçalves

- Joaquim José Maranhão Câmara

- Nelson Luiz Oliveira Freitas

- Paulo Adalberto Alves Ferreira

- Valter Correa da Silva (já está na PF em São Paulo)

- Washington Luiz Viana (já está na PF em São Paulo)

A PF não discriminou, no entanto, quais desses alvos estariam presos, além de Bernardo, Vaccari, Valter Correia e Washington Luiz. Dois mandados de prisão não foram cumpridos porque as pessoas não foram localizadas.

Advogado diz que ex-tesoureiro do PT só se entrega à Justiça

24 de Junho de 2016 - 12:30

O advogado José Roberto Batochio, responsável pela defesa do ex-tesoureiro do PT Paulo Ferreira, disse que seu cliente não vai se apresentar à Polícia Federal, mas à Justiça, numa audiência de custódia. Alvo de um mandado de prisão preventiva na Operação Custo Brasil, o petista é procurado pela PF desde a manhã desta quinta-feira, 23. Batochio afirmou ser “um direito natural da pessoa” não se entregar à PF. “A lei não pode coibir o anseio de liberdade”, justificou. Ele não informou quando Ferreira se apresentará. Nesta quinta-feira, enquanto os agentes da PF percorriam endereços de Brasília na tentativa de encontrar Ferreira, ele dava entrevistas à imprensa por telefone. Dizendo-se tranquilo, almoçou em casa. A Custo Brasil foi deflagrada às 6h. Os agentes da PF foram a um imóvel que seria de Ferreira na capital federal, mas foram informados de que ele não mora mais no local. Em seguida, bateram, sem sucesso, na sede do PT. O advogado do partido avisou que o ex-tesoureiro não aparecera ali. Eram 11h30. Ao longo da manhã, Ferreira atendeu aos telefonemas de jornalistas e informou que estava em casa, em Brasília, “completamente à disposição” da PF. Primeiro, conversou com repórter da Rádio Gaúcha. “Estou tranquilo em relação a isso e acho natural que em algum momento surja meu nome, como surgiram na Operação Lava Jato alguns empresários dizendo que tinham ligação comigo. Isso faz parte da política”, disse o ex-tesoureiro à rádio. Leia mais no Estadão.

Gleisi diz que prisão de Bernardo foi injusta

24 de Junho de 2016 - 12:20

 

A senadora Gleisi Hoffmann (PT-PR) lamentou, em nota, a prisão preventiva do marido, o ex-ministro do Planejamento Paulo Bernardo. Gleisi criticou supostos excessos da Polícia Federal (PF) em relação a Bernardo, questionando também a necessidade do mandado de busca e apreensão feito no apartamento funcional do Senado, em Brasília, onde estava com os filhos. A parlamentar acusou a PF de utilizar a operação para desviar a atenção da opinião pública para “garantir” o impeachment da presidente afastada Dilma Rousseff. Gleisi saiu em defesa do marido e disse que ele foi injustiçado. “Hoje foi um dia muito triste na minha vida como mulher, como política e, sobretudo, como mãe. Conheço o pai dos meus filhos. Sei das suas qualidades e do que não faria, por isso sei da injustiça que sofreu”, afirmou. A senadora negou que Bernardo tenha recebido propina, e disse que o patrimônio da família foi comprado com os salários do casal. “Quem nos conhece sabe que não fizemos fortuna, não temos conta no exterior, levamos uma vida confortável, porém modesta.” Segundo a congressista, mais de dez pessoas “estranhas” entraram em sua casa com ordem de busca e apreensão e o pedido de prisão de Bernardo pela manhã. “Busca e apreensão após quase um ano de início do processo? Prisão preventiva para prevenir o que? Uma fuga? Um conluio? Qual risco representa ele?”, questionou.

Ex-diretor da Petrobrás vai cumprir prisão em casa

24 de Junho de 2016 - 09:20

O ex-diretor de Internacional da Petrobrás Nestor Cerveró, emblemática figura da Operação Lava Jato, vai para a casa. Cota do PMDB e indicação pessoal do ex-senador Delcídio Amaral, pelo PT, no esquema de corrupção na estatal petrolífera colocou tornozeleira eletrônica nesta quinta-feira, 23, na sede da Justiça Federal, em Curitiba – onde está preso desde 14 de janeiro de 2015. Condenado em dois processos penais e alvo de outras frentes do escândalo Petrobrás, Cerveró viaja amanhã cedo para o Rio, onde cumprirá cumprirá prisão domiciliar. A mudança de regime prisional faz parte do acordo de delação premiada fechado em novembro de 2015, com o Ministério Público Federal. Nele, o ex-diretor citou o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, a presidente afastada Dilma Rousseff, o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL) e o presidente afastado da Câmara Eduardo Cunha (PMDB-RJ). Junto com o filho, gravou o líder do governo no Senado, Delcídio, tentando comprar seu silêncio – e deu início ao fim do governo Dilma Rousseff. Nesta sexta-feira, 24, ele vai em um voo comercial para o Rio. Um ano e meio atrás, quando chegava de Londres, Cerveró foi preso pela Polícia Federal, alvo da 8ª fase da Lava Jato. Acusado de corrupção, lavagem de dinheiro e participação na organização criminosa que desviou mais de R$ 20 bilhões da Petrobrás e patrocinou partidos e campanhas da base aliada e da oposição, desde 2004, ele chegou a passar as festas de fim de ano em casa, e voltou para a carceragem da Federal, em Curitiba. Leia mais no Estadão.

Paulo Bernardo foi preso por ‘risco à ordem pública’

24 de Junho de 2016 - 08:50

O juiz federal Paulo Bueno de Azevedo usou como fundamento ‘o risco à ordem pública e à aplicação da lei penal’ para mandar prender o ex-ministro do Planejamento e Comunicações Paulo Bernardo (Governos Lula e Dilma) e o grupo ligado a ele – a ordem de prisão se estendeu a outros dez investigados na Operação Custo Brasil. O juiz destacou ‘a imensa quantia, a principio, desviada dos cofres públicos, eis que tais valores não foram recuperados e podem, ainda, ser objeto de tentativas de ocultação e dissimulação’. Paulo Bernardo foi preso nesta quinta-feira, 23, por suspeita de recebimento de pelo menos R$ 7,1 milhões em propinas de um esquema que atingiu os empréstimos consignados a milhões de servidores públicos. “O risco à ordem pública não pode ser justificado apenas no caso de investigados ou acusados com histórico de violência contra as pessoas, o que fatalmente ensejaria uma justiça seletiva apenas contra os mais pobres”, assinalou o magistrado, em decisão de 75 páginas. “Risco à ordem pública existe também quando, em tese, desviados milhões de reais dos cofres públicos, máxime na situação conhecida de nosso País, que enfrenta grave crise financeira e cogita aumento de impostos e diminuição de gastos sociais”, prosseguiu Paulo Bueno de Azevedo. “O desvio de milhões de reais do Erário representa, em tese, um perigo concreto, porém invisível, para a sociedade brasileira, que não vê, pelo menos a olho nu, ao contrário do que acontece com os autores de crimes violentos, que o dinheiro desviado poderia ter sido aplicado na infraestrutura do pais e na melhoria dos serviços públicos, como a saúde e a educação. O. risco de que tal dinheiro desviado não será recuperado também representa perigo concreto à aplicação da lei penal”. Leia mais no Estadão.

Reino Unido decide sair da UE e primeiro-ministro renuncia

24 de Junho de 2016 - 08:40

Com 52% dos votos a favor, o Reino Unido decide deixar a União Europeia (UE) após 43 anos de participação. O resultado do referendo realizado nessa quinta-feira (23) foi divulgado nas primeiras horas da manhã de hoje (24). Em declaração ao país, o primeiro-ministro britânico, David Cameron, anunciou a sua demissão. Ele deve deixar o cargo em outubro. Cameron sempre se posicionou favoravelmente à permanência do Reino Unido na UE e, durante os meses que antecederam o referendo, afirmou que o Brexit – união das palavras Britain (Grã-Bretanha) e exit (saída, em inglês) – poderia trazer graves consequências econômicas para o país. “O povo britânico votou para deixar a União Europeia, e sua vontade deve ser respeitada. A vontade do povo britânico é uma instrução que deve ser entregue. Será necessária uma liderança forte e empenhada”, disse David Cameron, ressaltando que outra pessoa deve liderar o processo de transição. A taxa de participação no referendo foi de 71,8%, a maior em votações no Reino Unido desde 1992. Leia mais na Agência Brasil.

Juiz autorizou buscas na casa de Gleisi, mas negou acesso a seus bens e documentos

24 de Junho de 2016 - 08:30

Em decisão de 75 páginas, que deflagrou a Operação Custo Brasil, o juiz federal Paulo Bueno de Azevedo, de São Paulo, autorizou buscas na residência do ex-ministro Paulo Bernardo (Planejamento e Comunicações/Governos Lula e Dilma) e da mulher dele, a senadora Gleisi Hoffmann (PT/PR), mas negou acesso a bens, documentos e objetos da petista porque ela detém foro privilegiado perante o Supremo Tribunal Federal (STF). A ação da Polícia Federal, integrada com a Procuradoria da República e a Receita, provocou reação no Senado, onde colegas de Gleisi contestaram as buscas no apartamento funcional onde ela mora com Paulo Bernardo – este, sem foro especial, o alvo maior da Custo Brasil por suspeita de recebimento de propinas do esquema de empréstimo de consignados envolvendo sua gestão no Planejamento. Como adiantou a Coluna do Estadão nesta quinta-feira, 23, o Senado vai entrar com reclamação junto ao STF contra a Operação. O presidente da Casa, Renan Calheiros (PMDB-AL), e o primeiro-vice, Jorge Viana (PT-AC), já pediram uma consulta sobre o assunto à Advocacia-Geral do Senado para embasar o documento. “O direito à intimidade e à privacidade não são absolutos e devem ceder aos interesses da coletividade em ver apurados gravíssimos crimes de corrupção que, ainda mais quando, em larga escala (o total desta investigação superaria cem milhões de reais), são capazes de causar prejuízos incomensuráveis ao país e à sociedade brasileira”, ponderou o juiz federal em sua decisão. O Ministério Público Federal argumentou que o fato de Gleisi ser senadora ‘não impede a busca e apreensão, pois, do contrário, ser casado ou residir com alguma autoridade equivaleria a uma verdadeira imunidade a investigações criminais, o que não se poderia admitir’. Leia mais no Estadão.

Ex-jogador do Bahia é preso acusado de estuprar quatro menores no Pará

24 de Junho de 2016 - 08:20

Suspenso do futebol até 2019 por se negar a fazer exame antidoping quando atuava pelo Al Ittihad, da Arábia Saudita, o ex-atacante do Bahia, Jobson, voltou ao noticiário nesta quinta-feira (23), mas dessa vez, noticiário policial. O jogador foi preso acusado de estuprar quatro menores em Conceição do Araguaia, no Pará. De acordo com a Polícia Civil, que efetuou a prisão, Jobson foi detido em sua chácara na cidade de Couto Magalhães, no oeste de Tocantins, e não ofereceu resistência. O cumprimento da prisão preventiva determinada pela Justiça foi pela acusação de abusar sexualmente de uma jovem de 12 anos, outra de 13 e mais duas de 14. Além disso, ele é investigado por abusar de uma quinta adolescente. De acordo com a Polícia Civil, todas as vítimas fizeram exames periciais, que comprovaram que houve penetração nas duas menores, de 12 e 13 anos. Já as de 14 anos, em depoimento, afirmaram que consentiram as relações sexuais, mas revelaram que estavam sob efeito de bebidas alcoólicas e substâncias entorpecentes colocadas na bebida. A polícia instaurou inquérito após uma das vítimas denunciar o vazamento de imagens suas em situações pornográficas nas redes sociais. A jovem relatou que desmaiou durante o evento que teria sido promovido por Jobson. Desacordada, ela teve fotos tiradas por Jobson e amigos do jogador.

Resumo Policial dia 24/06/16

. Apresentação: Foi apresentado pela PM Claudio Roberto Martins, o qual que estava detido por populares acusado de ter assaltado um ônibus. Com ele foi encontrado também uma faca. Vale salientar que na delegacia ninguém se apresentou prestando queixa contra o acusado.

. Assalto:

09:30 Rua 24 de Maio, pequeno estabelecimento comercial. Segundo a vitima estava trabalhando, momento que surgiu um elemento se dizendo armado. Sob ameaça este subtraiu um aparelho celular.

. Assalto:

09:45 Sitio no Jorro do Miguel Velho. Cinco elementos armados de facas, facão e espingarda pularam o muro e renderam todos os moradores. Levaram objetos elétricos e eletrônicos documentos e dinheiro e também um veículo Voyage. Tal veículo foi encontrado pela tarde no Loteamento Porto Feliz no Barreiro.

. Estelionato: 10:00 Vítima homem, ele contou na delegacia que recebeu mensagem via celular informando que estava entrando em sua conta um cheque no valor de R$ 2.290,00 reais. Acontece que tal folha, foi realmente passada, só que para o colégio do filho aqui em alagoinhas, e no valor de R$ 182,97 reais. Que o cheque fora clonado e depositado em uma agência na cidade de São Paulo.

. Tráfico de drogas\ apresentação; Procedente da cidade de Entre Rios, foi apresentado as pessoas de : Jeferson de Souza lima e Marcos Braga dos Santo. Marcos foi reconhecido como autor de um arrombamento a um estabelecimento comercial, sendo detido na central de abastecimento. Confessou o delito e com o mesmo foi encontrado pequena quantidade de droga, entregando de imediato onde havia comprado. Em outro endereço foi detido Jeferson o qual ao avistar a PM abriu fogo, porem foi detido. Com o mesmo foi encontrado um revolver com numeração raspada, celulares, drogas, munições, radio de comunicação, aparelho de som, embalagem plástica para acomodação de drogas etc. Ambos ficaram custodiados à disposição da Justiça.

. Arrombamento: 22:00 Foi apresentado procedente do imóvel pertencente a Sheichonoiê na rua Luiz Viana, uma carteira porta cédula com documentos e uma nota de R$ 50,00 reais além de um talão de nota fiscal de uma empresa do centro, dois celulares e uma pequena quantidade de maconha. Todo material pertence a um elemento que provavelmente estava pretendendo arrombar o templo religioso. Foi encontrado também abandonado um veículo modelo Chevett placa JOF 0389. Tudo será investigado pelos policiais da 2º Coorpin.

Camaçari: Adolescentes são mortas a tiros enquanto dormiam

23 de Junho de 2016 - 18:20

Duas adolescentes, de 14 e 16 anos, foram mortas a tiros em Camaçari, na região metropolitana de Salvador. Segundo a Central de Polícia, as duas dormiam quando três homens encapuzados invadiram a casa e dispararam contra as vítimas. O duplo homicídio ocorreu na Rua da Amizade, no bairro Bomba, na madrugada desta quarta-feira (22). Ao G1, a polícia informou que a casa invadida pertencia à adolescente de 16 anos, que podia ser namorada de um traficante da região. O crime é investigado pela 18ª Delegacia Territorial, em Camaçari.

Delcídio afirmou que Paulo Bernardo privilegia Consist desde o governo do MS

23 de Junho de 2016 - 17:40

Em depoimento prestado em 11 de abril deste ano, no âmbito de sua delação premiada, senador cassado Delcídio Amaral (ex-PT-MS) afirmou que o ex-ministro Paulo Bernardo (Planejamento e Comunicações no governo Lula), marido da senador Gleisi Hoffmann (PT-PR), privilegiava a empresa Consist Software Limitada desde o governo no Mato Grosso do Sul. Paulo Bernardo foi preso nesta quinta-feira, 23, na Operação Custo Brasil, desdobramento da Operação Lava Jato. As investigações da Custo Brasil são decorrentes da Operação Pixuleco, outra fase da Lava Jato, deflagrada em agosto de 2015, que apurou um suposto esquema de pagamento de propina – entre 2010 e 2015 – de R$ 100 milhões. Entre os envolvidos no esquema, segundo a Receita, há agentes políticos, servidores do Ministério do Planejamento, escritórios de advocacia e empresas de fachada criadas para operacionalizar o repasse dos recursos. O acordo de cooperação técnica entre o Ministério do Planejamento para gestão da margem consignável dos servidores, alvo da Lava Jato, foi assinado na gestão do ministro Paulo Bernardo. O petista comandou o ministério de março de 2005 a janeiro de 2011 no governo do presidente Luiz Inácio Lula da Silva. No primeiro mandato da presidente Dilma Rousseff foi ministro das Comunicações. Sob o comando de Bernardo, o Ministério do Planejamento assinou acordo com o Sindicato Nacional das Entidades Abertas de Previdência Complementar (SINAPP) e a Associação Brasileira de Bancos (ABBC). Essas entidades contrataram a empresa Consist Software Limitada para desenvolver o sistema de gestão da margem consignável. Em troca, a empresa recebia um porcentual por empréstimo consignado fechado por servidores da pasta. Leia mais no Estadão.

Prisão de Paulo Bernardo enfraquece Dilma na Comissão do Impeachment

23 de Junho de 2016 - 17:30

A decretação da prisão preventiva do ex-ministro do Planejamento Paulo Bernardo trouxe uma preocupação extra ao núcleo político ligado à presidente afastada Dilma Rousseff. Paulo Bernardo é casado com a senadora Gleisi Hoffmann (PT-SC), que integra a tropa de choque de Dilma e é um dos principais braços de defesa da presidente, na comissão de impeachment no Senado. A prisão dele, na avaliação de interlocutores da presidente afastada acaba por enfraquecer a sua defesa durante os trabalhos da comissão. Dilma precisa de 28 votos de senadores para conseguir se manter no cargo e até agora a conta é que possuem 22 votos. O placar do Estadão aponta 18 votos a favor de Dilma. Apesar de assessores da presidente dizerem que Paulo Bernardo, que foi ministro de Dilma e do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, não ser uma pessoa que estava próxima de Dilma por agora, não é o caso da sua mulher, Gleisi, que mantém contato com a petista. Além da prisão de Paulo Bernardo, a condução coercitiva do ex-ministro da Previdência Carlos Gabas também é outro problema, pela proximidade que tem com a presidente afastada. Gabas, inclusive, foi atendido pela Comissão de Ética da Presidência da República e está sob período de quarentena. Ou sejam durante seis meses ele permanecerá afastado de qualquer função pública recebendo salário de ministro, por conta das funções que assumiu nos últimos tempos e pelo conhecimento que possui de questões estratégicas de governo. Em um domingo de agosto de 2013 a presidente Dilma Rousseff driblou a segurança e saiu pelas ruas de Brasília como “carona” na possante moto Harley Davidson de Carlos Gabas e chegou a tirar fotos na moto. A preocupação não se limita a Dilma, mas também a Lula. Assessores da presidente lembram que este é mais um baque para o ex-presidente, já que Paulo Bernardo é muito ligado a ele e ao tesoureiro do partido JOão Vaccari Neto, que está preso pela Operação Lava Jato. Outro problema que foi lembrado, que não é preocupação especificamente da presidente afastada, mas de petistas, é sobre os reflexos desta nova prisão sobre as eleições municipais, já que Paulo Bernardo é uma importante liderança do partido.

Empresário de Chris Brown processa cantor por agressão

23 de Junho de 2016 - 17:20

Chris Brown está sendo processado por violência física novamente, segundo o site americano 'TMZ'. Ex-empresário do rapper, Mike G afirma que o cantor o agrediu brutalmente, e sem motivos, com socos no rosto e no pescoço, no mês passado. Após a agressão, Mike precisou receber atendimento na emergência de um hospital. Segundo o 'TMZ', Mike G afirmou no processo que Brown não demonstrou remorso após a agressão. O rapper teria, inclusive, zombado do empresário nas redes sociais. O ex-namorado de Rihanna ainda teria avisado ao resto da equipe que agrediria quem mais "saísse da linha". Mike G foi contratado por Chris Brown em 2012, para tentar melhorar a imagem do cantor após o episódio de espancamento de Rihanna, em 2009. Além de lidar com a imagem de Brown, o empresário ainda ajudou o rapper a largar o vício em drogas e cuidou das dívidas dele. De acordo com o site, a agressão foi movida pelo vício em drogas de Brown. Mike G ainda afirmou que tem medo de receber algum tipo de retaliação dos amigos de Brown, que seriam membros de gangues.

STJ rejeita pedido de habeas corpus do ex-ministro José Dirceu

23 de Junho de 2016 - 16:40

A Quinta Turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ) rejeitou terça-feira (21), recurso em habeas corpus do ex-ministro chefe da Casa Civil José Dirceu de Oliveira e Silva, por unanimidade. José Dirceu foi preso em agosto de 2015 (veja aqui), em decorrência da 17ª fase da operação Lava Jato. O Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4), em outubro de 2015, negou o pedido de liberdade, com o argumento de que a prisão preventiva era necessária para garantir a ordem pública e impedir interferências na investigação (veja aqui). O ex-ministro declarou, em recurso ao STJ, que a prisão era desnecessária, uma vez que ele não oferecia perigo à sociedade. O Ministério Público Federal (MPF), em parecer, opinou pela rejeição do habeas corpus, por entender que o benefício poderia causar a reiteração de delitos. Para Felix Fischer, ministro relator do recurso, a prisão foi devidamente fundamentada, se baseando na gravidade concreta das condutas, na expressividade da lesão causada, em virtude dos valores envolvidos e na reiteração de delitos ocorridos.

Cofundador do Pirate Bay processa gravadoras

23 de Junho de 2016 - 16:30

Enquanto a Sony Music, EMI, Universal e Warner aguardam o pagamento de 400 mil dólares, quase 1,4 milhão de reais, por parte do cofundador do Pirate Bay, Peter Sunde, o empresário optou por processar as gravadoras por difamação, informa o TorrentFreak. Sunde acredita que vencerá o processo, diz o site, e afirmou que só soube que o julgamento sobre a indenização para as gravadoras estava acontecendo quando saiu a decisão. Entre diversos projetos fracassados, Sunde teve sucesso com o Kopimashin, campeão de multas por violação de direitos autorais por conta da música “Crazy”, de Gnarls Barkley, copiada 100 vezes por segundo. (Na foto, Peter Sunde está ao lado esquerdo)

Impeachment: Dilma deve depor em 6 de julho

23 de Junho de 2016 - 16:20

A Comissão Processante do Impeachment aprovou hoje (22) um novo cronograma de trabalhos em razão dos atrasos no cronograma original, causados pela oitiva de testemunhas. Pela nova previsão, o relatório do senador Antonio Anastasia deverá ser votado no plenário do Senado no dia 9 de agosto. Depois disso, o presidente da Casa, senador Renan Calheiros (PMDB-AL), terá até dez dias para marcar o julgamento final da presidente Dilma Rousseff, no plenário do Senado. O cronograma de Antonio Anastasia prevê que, no próximo dia 5 de julho, será realizada a audiência com os peritos e os assistentes de acusação e defesa, que fizeram a perícia nos documentos que embasam a denúncia e o processo de impeachment. No dia seguinte, a presidente afastada deverá comparecer à comissão para ser ouvida pelos senadores e se defender. A partir daí, começará a contar o prazo para as alegações finais da acusação. Um acordo entre os advogados de acusação, Janaína Paschoal, e de defesa, José Eduardo Cardozo, estabeleceu que a advogada entregará suas alegações finais em cinco dias – embora ela tenha prazo de até 15 dias. Com isso, no dia 13 de julho começará a contar o prazo de 15 dias para as alegações finais da defesas. O senador Antonio Anastasia terá prazo de até quatro dias para fazer seu relatório final, que deve ser lido ao plenário da comissão no dia 2 de agosto – uma semana mais tarde que a previsão original. No mesmo dia será concedida vista coletiva, com discussão do parecer, marcada para o dia 3 e votação para o dia 4 de agosto. Conforme o novo cronograma, a votação da pronúncia da presidente, que verifica se a acusação é procedente, acontece em 9 de agosto. Dessa forma, o julgamento final deve acontecer por volta do dia 22 de agosto.

Papa pede fim da exclusão de imigrantes

23 de Junho de 2016 - 15:50

O papa Francisco fez mais um gesto de acolhimento de refugiados e celebrou a tradicional audiência geral desta quarta-feira (22) ao lado de um grupo de imigrantes. Durante suas falas, o pontífice voltou a pedir o fim da exclusão dos estrangeiros nos países. "Hoje estou ao lado desses jovens e muitos deles pensam que era melhor ter permanecido em suas terras, mas lá sofriam muito. São os nossos refugiados, mas tantos os consideram excluídos. Por favor, eles são nossos irmãos. O cristão não pode excluir ninguém, precisa dar espaço para todos, deixemos que todos venham", disse o sucessor de Bento XVI às mais de 15 mil pessoas que acompanhavam a cerimônia. Lembrando a passagem bíblica em que Jesus cura um leproso, Jorge Mario Bergoglio fez um paralelo com os "excluídos" da sociedade dos tempos atuais. "Jesus estendeu a mão para o leproso. Quantas vezes nós encontramos os pobres, quantas vezes podemos ser generosos, ter compaixão. Mas, nós não os tocamos, damos dinheiro, mas evitamos tocar as suas mãos. Jogamos ali e esquecemos que aquele é o corpo de Cristo", disse. Para Francisco, "Jesus não busca o sensacionalismo, mas cura com amor as nossas feridas, modelando pacientemente o nosso coração ao seu modelo e o gesto messiânico de Jesus culmina com a inclusão do leproso na comunidade dos crentes e na vida social". O tema imigração é muito caro ao Papa, que já fez diversos discursos – religiosos ou não – defendendo o acolhimento e a integração dos refugiados à vida "normal" dos países europeus. Além de falar sobre o assunto, Francisco já acolheu imigrantes que fugiram de conflitos no Oriente Médio e no norte da África e que estavam na ilha grega de Lesbos. Em abril, três famílias foram morar no Vaticano. No último sábado (18), mais nove imigrantes fizeram a viagem para uma nova vida na pequena cidade-Estado. Entre os resgatados, há sírios e africanos de várias religiões, que foram escolhidos aleatoriamente.

Prestes a deixar a prisão, Nestor Cerveró vai colocar tornozeleira

23 de Junho de 2016 - 15:40

O ex-diretor da área Internacional da Petrobras Nestor Cerveró, que está preso desde janeiro de 2015 pela Lava Jato, deve colocar tornozeleira eletrônica nesta quinta-feira (23), na sede da Justiça Federal, em Curitiba. Ele firmou um acordo de delação premiada com o Ministério Público Federal (MPF) e deve deixar a carceragem da Polícia Federal (PF) nesta sexta-feira (24).O ex-diretor já foi condenado pela Lava Jato em duas ações penais a 27 anos e quatro meses de prisão e responde por crimes como corrupção passiva e lavagem de dinheiro. Ele também é reú em outros dois processos.O acordo prevê que Cerveró devolva mais de R$ 17 milhões aos cofres públicos em razão dos crimes cuja autoria assumiu durante as investigações da Lava Jato. O conteúdo do acordo se tornou público por decisão do ministro Teori Zavascki, do Supremo Tribunal Federal (STF), que atendeu a pedido da Procuradoria Geral da República.Além da devolução do valor, o acordo também prevê que Cerveró só possa ser condenado a, no máximo, 25 anos de prisão, somando todos os processos a que responde na Justiça.

Criador do Orkut lança nova rede social chamada Hello

23 de Junho de 2016 - 15:30

O engenheiro Orkut Buyukkokten, criador do finado Orkut, que foi desativado em 2014 pelo Google, anunciou nessa quarta-feira (22/6) que vai lançar uma nova rede social chamada Hello. A proposta é ajudar as pessoas a se conectarem, criando amizades profundas. A plataforma, com aplicativo para Android e iOS, já está disponível nos Estados Unidos, Canadá, Austrália e Nova Zelândia. O lançamento para o Brasil, México, França e Alemanha está previsto apenas para agosto. Em uma postagem de blog, Orkut Buyukkokten explica que a nova rede social é feita especialmente para aqueles que sentem saudades do Orkut. "Como sinal de gratidão, estou criando uma nova rede social apenas para vocês. Eu não sou tão bom de despedidas, então eu estou a chamando de o novo projeto de Hello, que é a nova geração do Orkut", escreveu. O principal destaque da nova rede social é a curadoria de conteúdo. Ao criar o cadastro, os usuários escolhem assuntos que lhe interessam e, desta vez, um poderoso algoritmo sugere apenas publicações que ele provavelmente irá gostar. Desta forma, é possível ter acesso a um feed personalizado, a partir de assuntos como tecnologia, animais, comidas, esportes e celebridades, por exemplo. Para Orkut Buyukkokten, a nova rede social ajudará os usuários a se conectarem com pessoas que compartilham das suas paixões. "Tenho certeza que quanto mais nos conectarmos, mais bonito ele se tornará. Eu criei o Orkut com isso em mente", afirma, em post. Lançado em 2004, o Orkut foi a primeira plataforma de socialização online de muitos brasileiros. Em seu auge, o site contava com 300 milhões de usuários. O serviço perdeu força com a popularização do Facebook, que foi ao ar também em 2004.

Aplicativo permite enviar 'spoilers' de 'Game of Thrones' aos inimigos

23 de Junho de 2016 - 15:20

Uma das grandes angústias do mundo moderno, o "spoiler" virou também arma contra inimigos no aplicativo Spoiled.io. Lançado nesta semana e hospedado no Panamá, a ferramenta maléfica permite enviar anonimamente revelações chocantes sobre os mais recentes episódios de "Game of Thrones" a quem o usuário quiser. Basta informar um número de telefone da "vítima". A crueldade não é gratuita: custa US$ 0,99 (R$ 3,35). O site do serviço informa que está disponível para números de qualquer país. Após cadastrar o telefone e um número de cartão de crédito, o sistema passa a enviar semanalmente por mensagens de texto "spoilers" durante os episódios da série. A reação dos pobres coitados é publicada no Twitter. A ferramenta é direta ao descrever seu objetivo: "Arruíne 'Game of Thrones' para os seus amigos, automaticamente" -por enquanto, o serviço só funciona para essa série. Segundo o site "Business Insider", após o fim desta temporada de "GoT", em 26 de junho, o Spoiled.io vai abrir uma pesquisa de mercado para definir qual será a próxima atração a ter seus fãs como alvos. Com informações da Folhapress.

Homem armado abre fogo em cinema e deixa feridos na Alemanha

23 de Junho de 2016 - 12:50

Um homem armado abriu fogo em um cinema da cidade de Viernheim, perto de Frankfurt, na Alemanha, nesta quinta-feira (23). Ao menos 20 pessoas ficaram feridas. O atirador foi morto em troca de tiros com a polícia, segundo ministro regional do Interior, Peter Beuth. O jornal "Darmstadter Echo" informou de 20 a 50 pessoas podem ter ficado feridas, segundo a agência Reuters. O atirador, que estaria mascarado, estava fortemente armado e também levava munição. Ele invadiu o prédio por volta das 15h locais (10h de Brasília). Dezenas de pessoas abandonaram o cinema aos gritos, de acordo com os primeiros relatos. O suspeito foi morto a tiros depois que a polícia invadiu o complexo de cinemas, segundo o jornal "Mannheimer Morgen", citando o ministro do Interior do estado de Hesse. Mais cedo, a revista Focus on-line relatou que a polícia alemã prendeu o atirador. Não há indicações de que outras pessoas tenham participado do ataque. A polícia não divulgou detalhes, porque a ocorrência ainda está em andamento. Ainda não se sabe o que teria motivado o ataque. A área em torno do cinema foi isolada e a movimentação de policiais é intensa, como mostram as imagens da rede CNN.

Lyoto Machida recebeu R$ 21 mil para carregar a tocha olímpica

23 de Junho de 2016 - 12:40

Ex-campeão meio-pesado do UFC, Lyoto Machida recebeu R$ 21 mil do governo do Pará para carregar a tocha olímpica em Belém, na semana passada. A informação consta no no portal da transparência do Estado paraense, que descreve o custo como "valor que se empenha referente a apoio para condutor de tocha olímpica Rio-2016 no Pará". A secretária de Lazer e Esporte do Estado, Renilce Nicodemos, divulgou nota afirmando que o lutador "é referência internacional e considerado um dos melhores lutadores de MMA do mundo, e sempre levou o nome do Estado do Pará em suas aparições públicas nos quatro cantos do mundo". Machida, por sua vez, alegou que o dinheiro foi usado para cobrir os gastos de sua logística, bem como para a realização posterior de uma palestra a crianças e jovens atendidos por projetos sociais. "Como lutador profissional, tenho diversos compromissos desta natureza. Faço seminários em outros continentes como Europa e Ásia, palestras no Brasil inteiro e sou remunerado por isso, o que demonstra unicamente o respeito que os contratantes têm pelo meu trabalho", argumenta o lutador, que nasceu na Bahia e se mudou bem novo ao Pará.

PF prende ex-servidores do Planejamento e dos Correios em desdobramento da Lava Jato

23 de Junho de 2016 - 12:30

Em cumprimento aos mandados de prisão expedidos na fase Custo Brasil, primeira operação da força-tarefa da Lava Jato em São Paulo, a Polícia Federal prendeu preventivamente em Brasília o ex-chefe da Assessoria Especial para Modernização da gestão do Ministério do Planejamento Valter Correia da Silva e o ex-vice-presidente de Gestão de Pessoas dos Correios Nelson Luiz Oliveira Freitas. Também foi preso preventivamente o empresário Dércio Guedes de Souza, dono da JD2, que já havia sido alvo da fase Pixuleco 2 da Lava Jato. Na Pixuleco 2, a PF descobriu que Correia da Silva era um dos destinatários da propina oriunda da Consist no âmbito do Ministério do Planejamento para renovar o termo de parceria entre a ABBC/Sinapp/Consist. Preso na mesma fase, o vereador do PT de Americana, Alexandre Romano, assinou acordo de delação e contou aos investigadores que um terço da propina ficava com o ex-ministro Paulo Bernardo. Segundo o delator, em 2009 ele foi convidado pelo então tesoureiro do PT, Paulo Ferreira, para participar das tratativas da operação envolvendo a entidades Sinapp e ABBC. Por sua vez, Nelson Luiz de Oliveira Freitas já estava na mira dos investigadores por suposto recebimento de propina em contrato da Postal Saúde, responsável por gerenciar o plano de assistência médica dos funcionários dos Correios. O empresário Dércio de Souza e sua empresa, a JD2, já haviam sido alvo de busca e apreensão na Pixuleco por terem sido destinatários da propina da Consist.

Deputada diz que Romário trocou voto do impeachment por cargos

23 de Junho de 2016 - 12:20

Segundo informações da coluna de Lauro Jardim, em O Globo, a deputada federal Mara Gabrilli soltou o verbo pra cima do senador Romário. Ela não gostou da nomeação da ex-deputada Rosinha da Adefal para a Secretaria da Pessoa com Deficiência. Acusou que a nomeação foi um acordo do Palácio do Planalto com o senador Romário em troca do voto dele no impeachment de Dilma Rousseff. Ela ainda afirmou que ele fez barganha e que posa de defensor das pessoas com deficiência, mas não sabe de nada.

Resumo Policial dia 23/06/16

. Veículo recuperado: 12:30 Terezópolis Cinquentinha Shinerai branca com listras pretas. Segundo a PM tal veículo tinha sido roubado um dia antes.

. Assalto:

 12:35 Estrada do Estevo, Vitima homem, sua esposa e filha de 4 anos. Eles estavam numa moto, momento que surgiram dois elementos em outra moto. mandaram todos deitarem no chão e ainda foram ameaçados. Levara uma levaram uma CG 150 placa NYW 5589.

. Assalto: 19:50 Dois amigos estavam na porta de casa no Silva Jardim momento que surgiram dois elementos de moto. cada um perdeu o seu celular.

. Assalto:

18:20 Estabelecimento comercial entrada do conjunto Novo Horizonte Mangalô. Uma mulher loira que estava na carona de uma moto desceu armada de revolver e anunciou o assalto. Levou um celular, R$ 20,00 reais e um garrafa de cachaça.

. Apresentação: 11:00 Procedente do Barreiro, foi apresentado na delegacia a pessoa de G.S.S. de 19 anos, o qual estava na posse de três munições ponto 40. Autoridade policial adotou as medidas cabíveis.

. Assalto:

17:00 Fazenda Quizambu Riacho da Ghuia, vitima homem. Ele contou que estava trocando o óleo da moto na porta de uma oficina, quando terminou o serviço, surgiram dois elementos numa outra motocicleta e armados anunciaram o delito. Levaram uma CG 150 vermelha placa OKU 3134.

. Furto: 08:30 Estacionamento do Laguna, vitima homem. Segundo relatou na DP, deixou estacionado a sua moto uma Cg 150 placa IRG 5039, e ao retornar, não mais a encontrou.

. Assalto: 10:00 caixa D’água no Barreiro, vitima um casal. Eles estavam passando numa moto Honda Biz branca Ex placa NZT 7249 branca, momento que surgiram dois elementos também de moto que anunciaram o assalto. Levaram a Biz.

. Assalto: 09:30 Próximo da Unirb em Alagoinhas Velha, vitima mulher. Abordada por um elemento que estava de moto. Este parou o veículo foi em direção da vitima e sob ameaça levou a sua bolsa com documentos diversos e celular.

. Homicídio:

11:00 Vila Massau após a AABB, vitima um jovem de 18 anos conhecido como PITHULA, estava de moto quando foi alvejado por diversos disparos de arma de fogo, por dois elementos que também estavam de moto. Morte instantânea. Não foi passado no relatório o nome completo da vitima. Corpo encaminhado ao IML

Tribunal condena Google a pagar R$ 30 mil por site fraudulento

23 de Junho de 2016 - 07:40

A 1.ª Câmara de Direito Privado do Tribunal de Justiça de São Paulo condenou o Google Brasil a pagar 30.000 por danos morais por manter um site fraudulento na internet. Os desembargadores entenderam que o endereço virtual não era correspondente à empresa física. Atualmente, o site está fora do ar. A decisão foi divulgada pelo site do TJ. Em sua decisão, o desembargador relator da ação, Francisco Loureiro, destacou que a empresa de materiais de construção Distribuidor de Cimento Marinho Ltda., de São Paulo, enfrentou transtornos e até processos judiciais em razão da permanência do portal na rede. "Diante desse cenário, parece que os provedores de pesquisa, a exemplo do requerido, devem ser efetivamente enquadrados na categoria dos provedores de aplicação e sujeitar-se à sua disciplina legal", analisou. De acordo com o processo, a Distribuidor de Cimento Marinho descobriu em 2015 que consumidores compraram mercadorias no site www.materiais-marinho.com.br e não receberam a entrega. O portal não pertencia à empresa, apesar de usar o nome fantasia da firma. Dentro do página havia referências ao endereço, mas a conta bancária e o telefone para contato eram diferentes dos verdadeiros. A distribuidora enviou ao Google notificação extrajudicial solicitando a exclusão do site. Na época, o Google informou que não tomaria nenhuma medida e que as contestações deveriam ser feitas ao dono do portal. "O aludido site foi mantido na internet mesmo após o réu ter sido notificado pela demandante para que excluísse seu link do site de buscas. Diante desse quadro, parece evidente que deve ser responsabilizado pelos danos extrapatrimoniais ocorridos, resultantes da violação da honra objetiva da empresa autora perante seus clientes", observou o desembargador Francisco Loureiro. A assessoria de imprensa do Google informou que a empresa não comentará o caso. (Estadão Conteúdo)

Procura por pílulas abortivas cresce 50% no Brasil por medo de zika

23 de Junho de 2016 - 07:30

Temendo os efeitos do vírus da zika em seus fetos, gestantes da América Latina procuram cada vez mais pílulas abortivas disponibilizadas na internet, encontradas em uma agência de assistência sem fins lucrativos, de acordo com novo estudo. No Brasil, a procura aumentou em 50% entre novembro de 2015 e março de 2016. A pesquisa, publicada nesta quarta-feira (22) no periódico científico "The New England Journal of Medicine", é a primeira a medir a reação das mulheres grávidas aos alertas do vírus da zika, em nações onde o aborto é limitado ou proibido. Detectado pela primeira vez no Brasil no ano passado, o surto atual é ligado a mais de 1.600 casos de microcefalia, uma malformação craniana. No país, o aborto é ilegal exceto em casos de estupro, quando a vida da mãe corre perigo ou a criança se encontra doente demais para sobreviver. Os pedidos pelas pílulas aumentaram, também, em outros locais da América Latina: 35,6% em El Salvador; 36,1% na Costa Rica; 38,7% na Colômbia; 75,7% em Honduras; 93,3% na Venezuela e 107,7% no Equador. No momento em que o zika se dissemina pela América Latina, vários países, como El Salvador, vêm aconselhando as mulheres a evitar uma gravidez, mesmo que o acesso a métodos contraceptivos ou ao aborto seja restrito. Recentemente, a Organização Mundial da Saúde (OMS) também advertiu casais que moram em áreas com transmissão do vírus a cogitarem adiar gestações. "Quando você emite esse tipo de conselho, mas não os relaciona com caminhos para cuidados seguros e legais, cria uma situação realmente difícil para as mulheres", disse a doutora Abigail Aiken, co-autora do estudo e especialista em saúde reprodutiva da Universidade do Texas, nos Estados Unidos. Abigail e seus colegas analisaram solicitações de aborto do Women on Web, uma organização sem fins lucrativos que proporciona acesso a medicamentos abortivos, além de consultas online para mulheres de países onde o aborto legal é limitado. O grupo oferece as pílulas nas 10 primeiras semanas de gravidez para induzir abortos. Os pesquisadores compararam os pedidos de aborto feitos depois de 17 de novembro de 2015, quando a região foi alertada sobre o risco em potencial de defeitos de nascença decorrentes do zika, com pedidos já esperados deste mesmo grupo baseados em cinco anos de dados anteriores. Eles descobriram aumentos estatisticamente significativos de solicitações de aborto em sete de oito países onde o vírus da zika está circulando, o aborto é restrito e onde o país havia alertado sobre os riscos da infecção na gestação. A Jamaica, onde as mulheres foram aconselhadas a evitar a gravidez antes mesmo de a transmissão ter sido confirmada, foi o único país deste grupo onde não se testemunhou um aumento grande nas solicitações.

Investigação sobre homicídio resulta em apreensão de 18 espigas de milho

23 de Junho de 2016 - 07:20

Policiais de São Paulo apreenderam 18 espigas de milho de um vendedor ambulante durante investigação sobre um homicídio no bairro de Campo Belo, na capital paulista. De acordo com o Estado de S. Paulo, José Edvaldo Matias dos Santos não é suspeito de ter participado da morte investigada, mas foi encaminhado para uma delegacia "por não saber declinar a origem do milho comercializado", segundo consta no boletim de ocorrência. A diligência tinha como objetivo localizar testemunhas de um assassinato. Na delegacia, o vendedor informou que comprou as espigas no Ceasa e disse que não tinha informações sobre o homicídio. Mesmo assim, o milho foi apreendido porque o delegado "não tinha condições de atestar está próprio ou não para consumo".

Padre humilha noiva evangélica e caso vai parar na delegacia

23 de Junho de 2016 - 06:50

O padre da cidade de Eldorado (MS) está sendo acusado de humilhar uma noiva por conta de sua religião. O caso foi parar na delegacia. De acordo com o G1, uma mulher evangélica de 28 anos foi até a igreja tentar marcar seu casamento. O noivo é católico e o casal teria decidido casar em duas igrejas diferentes. Mas ao questionar o padre sobre o casamento, ele perguntou sobre a religião da mulher e então passou a atacar sua crença, dizendo que ela frequenta uma seita. Ao dizer que era da Igreja Evangélica Nova Jerusalém, o padre respondeu dizendo: “credo, isso não é religião”. Muitas pessoas assistiram ao fato ocorrido na manhã do último sábado (18) e mesmo diante de tantas pessoas, o padre continuou a humilhar a evangélica. Segundo a acusação, feita na delegacia na tarde do último domingo, o padre questionou a origem da religião evangélica e afirmou que se trata de “uma seita com objetivo de lucro, diferentemente da igreja católica”. Os noivos ficaram assustados com o deboche do padre, e resolveram denunciar por ter acontecido diante de muitas pessoas. O caso foi registrado como escárnio de cerimônia.

Idoso de 99 anos renova CNH e surpreende funcionários

23 de Junho de 2016 - 06:40

Um idoso de 99 anos surpreendeu os funcionários do Poupatempo de Penápolis (SP). Ele foi até a unidade para renovar a carteira de habilitação.]A reportagem do G1 conta que o atendimento aconteceu na terça-feira passada (14) e o aposentado Wilson Monteiro conseguiu renovar a carteira por mais três anos, até 2019. Wilson disse em entrevista ao G1 que sempre costuma renovar a carteira de habilitação, mas que não costuma mais dirigir por causa da idade avançada. “Tenho carro, mas tenho poupado em andar de carro, tenho parentes na cidade e eles me levam porque já estou com 99 anos e não convém andar muito de carro. Renovei a carta porque se por acaso não tiver parente ou amigo que possa me levar, eu tenho carro na garagem e posso pegar caso precise em alguma urgência”, explicou aposentado.

99 anos

A reportagem revela que Wilson nasceu no dia 8 de maio de 1917. O idoso possui carteira de habilitação há 80 anos. Ele contou que sempre gostou de dirigir, mas sabe que agora a idade pode prejudicar na hora de pegar o volante. "Sempre quando saiu e preciso de carro ou algum familiar ou vizinho me ajuda. Estou lúcido ainda, mas sei que como a idade passa a agilidade no trânsito diminui. Só pego o carro quando é muito necessário e vou devagar", explica Wilson.

Ex-ministro Paulo Bernardo é preso em Brasília

23 de Junho de 2016 - 06:30

O ex-ministro Paulo Bernardo foi preso nesta quinta-feira (23) na 31ª fase da Operação Lava Jato, em Brasília. Um mandado de busca e apreensão também está sendo cumprido na casa da senadora Gleisi Hoffmann, em Curitiba. Policiais federais também estão na sede do PT no Centro de São Paulo. A Polícia Federal indiciou Gleisi Hoffmann (PT-PR) e o marido dela, o ex-ministro Paulo Bernardo, ao concluir o inquérito sobre as suspeitas de que dinheiro desviado da Petrobras abasteceu em 2010 a campanha ao Senado da parlamentar. A defesa do ex-ministro disse que desconhece as razões da prisão, e que estranha porque Paulo Bernardo sempre se colocou à disposição das autoridades. A PF afirma ter indícios suficientes contra Gleisi e o marido, o ex-ministro Paulo Bernardo, por suposto envolvimento em crime de corrupção. As conclusões da Polícia Federal foram anexadas ao inquérito 3979, que tramita no Supremo Tribunal Federal , na Operação Lava Jato. A PF entendeu que há indícios suficientes de que a campanha de Glesi recebeu R$ 1 milhão em propina. Um novo delator , Antonio Carlos Pieruccini, informou que transportou o dinheiro, em espécie, de São Paulo para Curitiba em quatro viagens e que entregou a quantia para Ernesto Kugler, empresário que seria próximo de Gleisi. Segundo a PF, as entregas ocorreram na casa de Kugler e em empresas das quais é sócio. E que o empresário e o então tesoureiro da campanha de Gleisi, Ronaldo da Silva Baltazar, se falaram por telefone pelo menos 25 vezes. Segundo o relatório da Polícia Federal, ao qual a TV Globo teve acesso, o suposto pedido de dinheiro para a campanha de Gleisi teria sido feito ao ex-diretor da Petrobras Paulo Roberto Costa quando Paulo Bernardo era ministro do Planejamento do governo Lula e só porque o ex-ministro teria conhecimento do esquema de desvios na Petrobras.

Min. da Saúde aponta 1.154 casos notificados de microcefalia na BA

23 de Junho de 2016 - 06:20

O boletim divulgado pelo Ministério da Saúde nesta quarta-feira (22) aponta 1.154 casos notificados de microcefalia na Bahia. Dezenove a mais do que o último relatório divulgado pelo órgão, no dia 15 de junho. O estado é o segundo com maior número de casos do país, ficando atrás de Pernambuco, que até agora registrou 2.008 casos. Os dados divulgados nesta quarta são referente ao período até o dia 18 de junho. O relatório é feito com os dados enviados pelas secretarias estaduais da saúde, informou a pasta. De outubro de 2015 até maio deste ano, a Secretaria da Saúde do Estado (Sesab) registrou 32 mortes por microcefalia na Bahia. Os casos fatais foram nas cidades de Alagoinhas (1), Anguera (1), Camaçari (3), Conceição do Jacuípe (1), Cravolândia (1), Crisópolis (1), Jaguaripe (1), Jequié (1), Monte Santo (1), Barro Preto (1), Campo Formoso (1), Itabuna (2), Itapetinga (1), Olindina (1), Salvador (6), Tanhaçu (1), Esplanada (1), Feira de Santana (1), Presidente Tancredo Neves (1), Santo Antônio de Jesus (1), Simões Filho (1), Senhor do Bonfim (1), Ilhéus (1), Lauro de Freitas (1). De acordo com os critérios do Ministério da Saúde, é considerado microcefalia o bebê com perímetro cefálico menor ou igual a 31,9cm, no caso de menino, e menor ou igual a 31,5cm, em menina. Os casos da doença estão relacionados ao vírus da zika, doença transmitida pelo mosquito Aedes Eegypti. (G1/Bahia)

Alagoinhas: PM e Civil fazem batida na Delegacia, 5 celulares foram encontrados

22 de Junho de 2016 - 20:20

Após realização de revista na carceragem da DTM de Alagoinhas, policiais civis contando com o apoio de Policiais Militares da CETO/4º BPM, encontraram 05 (cinco) celulares, 02 (dois) carregadores de celular, 04 (facas) facas, 04 (quatro) objetos perfuro cortantes (“xunxos”), 01 (um) fone de ouvido, 01 (uma) barra de ferro, 01 (uma) tesoura, 01 (um) transformador, os quais foram recolhidos e serão encaminhados a pericia técnica e posteriormente a Vara Crime de Alagoinhas para providencias cabíveis. Salientamos que atualmente a Unidade contem 92 (noventa e dois) presos e a diligencia faz parte do plano operacional de revista periódica de celas determinada pela administração superior.

PROVIDÊNCIAS: Lavrado Oficio ao Juiz da Vara Crime de Alagoinhas encaminhando os objetos e solicitando a transferência de 30 (trinta) presos.

Governo federal autoriza importação de feijão para reduzir o preço

22 de Junho de 2016 - 18:20

O Palácio do Planalto anunciou nesta quarta-feira (22) que vai permitir a importação de feijão com origem na Argentina, no Paraguai e na Bolívia. O objetivo da medida é deixar o preço do produto mais barato. Segundo o ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), Blairo Maggi, o governo também avalia liberar também a importação do México e da China. Problemas climáticos na região centro-oeste fizeram produtores perderem quase toda a sua safra. A queda na oferta do alimento provocou o aumento no preço. De acordo com o ministro, também há negociações para que os supermercados busquem o produto onde há maior oferta. “Pessoalmente tenho me envolvido nas negociações com os cerealistas, com os grandes supermercados, para que eles possam fugir do tradicional que se faz no Brasil, e ir diretamente à fonte onde tem esse produto e trazer", afirmou Maggi.

Temer diz que Janot 'fez seu papel' e que 'não vale a pena' pedir seu impeachment

22 de Junho de 2016 - 17:40

O presidente interino Michel Temer afirmou que o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, “fez seu papel” ao pedir as prisões de caciques do PMDB, mas apontou que “não vale a pena” pedir seu impeachment, como foi colocado em discussão pelo presidente do Senado, Renan Calheiros. "Acho que o procurador fez o papel dele – embora eu não saiba quais foram suas razões, possivelmente ele está motivado por depoimentos que tem em suas mãos. E o ministro Teori [Zavascki] também fez o dele adequadamente. No instante que começamos a perceber que temos que obedecer e enaltecer a atividade das instituições estaremos aprimorando uma tentativa do que eu chamo de reconstitucionalizar o país", declarou, em entrevista à rádio Jovem Pan. Temer voltou a negar que um plano esteja em curso para impedir as investigações da Operação Lava Jato e que não vê uma "disposição conspiratória" no Congresso.

Três pessoas morrem em novo tiroteio nos Estados Unidos

22 de Junho de 2016 - 17:30

Dez dias após o massacre na boate gay Pulse, em Orlando, no estado da Flórida, um novo tiroteio matou ao menos três pessoas hoje (22) em Thurston, no estado norte-americano de Washington. De acordo com a polícia local, as vítimas são dois homens e uma mulher. Uma quarta pessoas sobreviveu ao ataque. Ferida, ela conseguiu telefonar para os serviços de emergência.O tiroteio ocorreu perto de duas escolas, mas ainda não se conhecem detalhes do caso. O mais novo episódio de violência vem em um momento em que o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, tenta convencer o Congresso a reformar as leis de vendas de armas de fogo.A Segunda Emenda à Constituição norte-americana garante o direito ao porte de arma. Com informações da Agência Brasil.

Mais uma baleia aparece morta em praia de Peruíbe, em São Paulo

22 de Junho de 2016 - 17:20

Uma baleia apareceu morta, na noite desta terça-feira (21), em uma praia de Peruíbe, no litoral de São Paulo. De acordo com o G1, ainda não foi identificada a espécie, a idade e o sexo do animal e até o final da manhã desta quarta-feira (22), a baleia ainda não tinha sido retirado da faixa de areia da praia. A publicação refere que o animal encalhou na faixa de areia da praia do Balneário Stela Maris, quase em frente ao posto do Grupamento de Bombeiros Marítimo (GBMar) de Peruibe. Thiago Nascimento, biólogo do aquário da cidade, afirmou que o animal deve estar morto há alguns dias porque está em estado de decomposição. Depois que a equipe ficar a avaliação da baleia, ela será recolhida por funcionários da Prefeitura de Peruíbe. O G1 explica que aqueles que encontrarem animais mortos ou encalhados nas praias do litoral de São Paulo podem entrar em contato pelo telefone 0800-642-3341 do Instituto Biopesca, que poderá tomar as medidas necessárias para o resgate ou avaliação do animal.

Para ter filho de Tite, CBF estuda alterar texto de código de ética

22 de Junho de 2016 - 16:50

O comitê de reformas da CBF poderá alterar o texto final do código de ética da entidade, que ainda não foi à aprovação da Assembleia Geral Administrativa. O problema está no trecho que veta a contratação de parentes por parte dos funcionários da confederação de dos clubes, incluindo a esfera da comissão técnica – se aprovado na versão atual, o filho do técnico Tite, Matheus Bacchi, não poderia fazer parte do grupo de apoio ao treindor. Segundo o blogueiro Rodrigo Mattos, do Uol, o objetivo com o veto não era atingir a comissão técnica, mas sim a parte diretiva da confederação e dos clubes. Atualmente, treinadores como Cuca, do Palmeiras, e Dorival Jr., do Santos, também trabalham com os filhos nas respectivas comissões. Por conta disso, os clubes também têm interesse em uma emenda que exclua as comissões técnicas da regra. Ainda não é certo se o comitê de reformas da CBF irá se reunir para tratar do assunto ou se a própria Assembleia Geral trate do tema.

Supercomputador brasileiro está desligado por falta de recursos

22 de Junho de 2016 - 16:40

 

O supercomputador Santos Dumont, o maior da América Latina, está desligados por falta de recursos que seriam destinados ao Laboratório Nacional de Computação Científica (LNCC). Comprado por R$ 60 milhões da empresa francesa Atos Bull, a máquina tem capacidade de realizar até 1.015 operações matemáticas por segundo. Ela chegou ao laboratório no ano passado e foi inaugurado em janeiro. Mas nunca chegou a funcionar em plena capacidade. "Ele foi adquirido para auxiliar toda a comunidade científica brasileira. A intenção era de que ele estivesse aberto para todos projetos de pesquisa e desenvolvimento", contou o diretor do LNCC, Augusto Gadelha, à Agência Brasil. Diante da falta de recursos, no entanto, os planos tiveram de ser adiados. Para que o equipamento não ficasse completamente ocioso, seis projetos foram iniciados e estão em andamento. "Mesmo assim, pesquisadores são orientados a usá-lo somente nos horários do dia em que a tarifa de energia elétrica é mais barata", disse Gadelha. O governo federal afirmou que não houve contingenciamento de verbas para o LNCC. Leia a nota da íntegra: "O Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações esclarece que destinou um orçamento para este ano de R$ 8,121 milhões ao Laboratório Nacional de Computação Científica, cujo valor cobre os custos do Instituto até os próximos meses e já negocia com a área econômica uma suplementação orçamentária, já tendo sido solicitado o valor adicional de R$ 4,65 milhões, que está em análise no Ministério do Planejamento. Por ora, como o LNCC está recebendo regularmente a sua parte orçamentária, o Ministério espera que o equipamento retorne ao seu funcionamento pleno para não prejudicar as pesquisas e projetos desenvolvidos por esse importante centro de pesquisas."

Dilma e Temer disputam senadores indecisos

22 de Junho de 2016 - 16:30

A presidente afastada Dilma Rousseff e o interino Michel Temer ainda disputam os votos de senadores indecisos para a votação definitiva do processo de impeachment. De acordo com o calendário da comissão no Senado, a decisão deve ficar em agosto. De acordo com pesquisa do Jornal do Brasil, ao menos 15 senadores dizem que ainda não decidiram os votos. Na terça (21), Temer foi a um jantar oferecido a 60 senadores pelo senador Zezé Perrella (PDT). Na avaliação do jornal, o presidente interino terá de se esforçar na distribuição de cargos caso ganhe a disputa no Senado. Dilma, por outro lado, tem atuado a partir do Palácio do Planalto para conversar com opositores em busca de apoio. Para que o afastamento definitivo de Dilma seja aprovado, são necessários dois terços do Senado (54 votos do total de 81 senadores). Contas de aliados de Temer afirma que o interino tem, no momento, 35 votos que não passarão para o outro lado. A favor de Dilma e contra o impeachment são, confirmados, entre 15 e 18 senadores. Existe, ainda, a chance de surpresa, já que muitos parlamentares têm preferido não declarar votos em pesquisas de institutos e veículos de imprensa.

Mulher é encontrada morta dentro de carro na capital baiana

22 de Junho de 2016 - 16:20

Uma mulher foi encontrada morta dentro de um carro, na manhã desta quarta-feira (21), no bairro de Jardim das Margaridas, em Salvador. Segundo informações da Central de Polícia, a vítima foi morta com diversos tiros atrás de um motel. De acordo com testemunhas, a mulher teria parado o carro em um esquina para dar carona para um homem, que ela aparentemente conhecia. Cerca de 15 minutos depois, foram ouvidos três tiros e quando os moradores saíram para ver o que tinha acontecido perceberam que se tratava do mesmo carro. O homem, que estava no carona, desceu do veículo e entrou em outro carro que já estava esperando o suspeito. A polícia ainda investiga a veracidade da informação. O DPT (Departamento de Polícia Técnica) já está no local para fazer a perícia e remoção do corpo. O DHPP (Departamento de Homicídio e Proteção à Pessoa) investiga a autoria e motivação do caso.(R7)

Delator diz que Tribunal de Contas do RJ recebeu propina de obra do Maracanã

22 de Junho de 2016 - 15:50

O ex-executivo da Andrade Gutierrez Clóvis Renato Primo afirmou em delação premiada que o Tribunal de Contas do Estado do Rio (TCE-RJ) recebeu propina da obra de reforma do Maracanã para a Copa do Mundo de 2014. De acordo com O Globo, Primo diz que Wilson Carlos, então secretário de Governo da gestão Sérgio Cabral, pediu que fosse pago ao tribunal 1% do valor da obra. A propina seria destinada ao então presidente do órgão fiscalizador das contas do Estado, conselheiro José Maurício Nolasco. O delator disse ter autorizado o pagamento, mas disse não ter certeza se o repasse foi efetivado. Nolasco é relator de 11 dos 22 processos do TCE relativos à obra no Maracanã (21 desse total estão parados). Primo disse que recebeu a informação do pedido de propina por meio do executivo Alberto Quintaes, da mesma empresa, o qual foi informado da solicitação pela Odebrecht, líder do consórcio. A empreiteira atribuiu o pedido a Wilson Carlos. O governador à época, Sérgio Cabral (PMDB), também é apontado como receptor de propina da obra do Maracanã (leia mais aqui), como delatou Rogério Nora de Sá, ex-executivo da Andrade Gutierrez, segundo o qual Cabral cobrou 5% do valor total do contrato. A Andrade Guetierrez, Odebrecht e Alberto Quintaes disseram à publicação que não comentariam o assunto. A defesa de Clóvis Primo disse que não comentaria as declarações porque o depoimento está sob sigilo. Já a defesa de Wilson Carlos não conseguiu contatá-lo para falar sobre o caso. Nolasco disse que nunca esteve com Primo, logo, nunca houve qualquer conversa ou pedido de propina. O conselheiro disse que o processo sobre o contrato da reforma no Maracanã deu entrada no TCE em 30 de setembro de 2010, três meses antes de sua saída da presidência. Quanto à relatoria dos processos, Nolasco disse que submeteu os casos ao plenário para, em seguida, tramitarem pelos órgãos para elaboração de pareceres. Até então não retornaram ao seu gabinete. Nolasco aproveitou para ressaltar que, quando era relatord de uma auditoria, votou favorável à retenção de R$ 67 milhões pagos indevidamente ao consórcio responsável pelas obras do Complexo do Maracanã, no entanto, o voto aprovado em plenário acabou sendo o do revisor, contrário ao dele.

Odebrecht diz em acordo que ex-governador do Rio de Janeiro recebeu propina na Copa

22 de Junho de 2016 - 15:40

Executivos da Odebrecht disseram nas negociações de delação premiada que o ex-governador do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral (PMDB), cobrou propina de obras da Copa do Mundo. De acordo com a Folha, Benedicto Barbosa da Silva Júnior, ex-diretor-presidente da construtora, foi o responsável por detalhar a "contribuição" ao peemedebista nas obras do metrô e na reforma do Maracanã. Fontes da publicação com acesso às investigações disseram que ainda deve ser incluída na conta de Cabral a obra do Complexo Petroquímico do Rio de Janeiro (Comperj) e a cobrança de 5% do valor total dos contratos das obras como pagamento. Docuemntos apreendidos pela Polícia Fedeal em março, na casa de Silva Júnior, mostram que o ex-governador recebeu R$ 2,5 milhões pelas obras da linha 4 do metrô do Rio; a reforma do Maracanã, inicialmente orçada em R$ 720 milhões, acabou custando mais de R$ 1,2 bilhão. Esta não é a primeira vez que delatores atribuem a Cabral o recebimento de propina. Executivos da Andrade Gutierrez disseram aos investigadores, no final de março, que Cabral exigiu 5% do valor total do contrato para permitir que a empresa se associasse à Odebrecht e à Delta no consórcio para reforma do estádio. Rogério Nora de Sá e Clóvis Peixoto Primo relataram que na época, em 2009, havia um acerto informal para que as empresas disputassem o consórcio e Nora Sá chegou a se reunir com Benedicto Júnior, da Odebrecht, para discutir o assunto. A Delta deixou o negócio em 2012, depois que a PF começou a investigar seu envolvimento no esquema de corrupção de Carlinhos Cachoeira - a parte da empresa foi absorvida pela Odebrecht. Por meio de nota enviada por sua assessoria, o ex-governador Sérgio Cabral disse que manteve "relações institucionais" com a Odebrecht e se disse indignada com o envolvimento de seu nome em qualquer ilicitude. Cabral disse ainda que sua gestão foi pautada "pela autonomia dos secretários nas suas respectivas pastas, assim como nos órgãos, autarquias, empresas e institutos subordinados às secretarias". A Odebrecht não comentou o caso.

Governo concede promoção de carreira a 22.853 professores; ganho será de 7%

22 de Junho de 2016 - 15:30

O governo do Estado concede em junho a promoção de carreira para 22.853 professores da rede estadual de ensino, o equivalente a 68,25% dos efetivos. O ganho salarial será equivalente a 7% do rendimento total dos docentes, sendo que 1,75% já fora antecipado em junho do ano passado, garantida na lei nº. 13.185/14. A promoção gera um impacto de R$ 7.996.494 na folha de pagamento do Estado. A lista com os professores beneficiados foi publicada no Diário Oficial do Estado (DOE) desta quarta-feira (22). “Estamos fazendo um grande esforço para conceder esta promoção aos professores mediante um acréscimo nos seus salários, porque entendemos que a educação é essencial para melhorar as condições de vida da nossa população. E a valorização dos profissionais da Educação é fundamental para atingirmos esse objetivo, ao mesmo tempo em que viabilizamos aos professores as condições necessárias para o aperfeiçoamento profissional por meio de cursos de qualificação a distância”, afirmou o governador Rui Costa. “Esta é uma iniciativa muito eficiente, não apenas porque a promoção na carreira do magistério é parte da política de valorização dos docentes da rede estadual de ensino, mas também porque é fruto de uma parceria com a nossa Uneb. São parcerias como estas que vamos procurar ampliar, buscando sempre o envolvimento das universidades estaduais para a melhoria da educação pública”, destaca o secretário da Educação do Estado da Bahia, Walter Pinheiro.

Após Lava Jato, Odebrecht faz pente fino em operações da empresa em 29 países

22 de Junho de 2016 - 15:20

Para prevenir surpresas com eventuais desdobramentos da Operação Lava Jato, a Odebrecht está fazendo um “pente fino” em suas operações fora do país: a empresa atua em 29 países de quatro continentes. Segundo informações da coluna de Mônica Bergamo, do jornal Folha de S. Paulo, a apuração interna revelou informações que surpreenderam os executivos da companhia, aponta um profissional que acompanha o processo. Cuba está entre os poucos países nos quais não foram confirmadas irregularidades relevantes até agora. Uma das explicações para isso é o fato de Cuba não ter eleições nos moldes de países capitalistas como o Brasil, em que o dinheiro para campanha é definidor – aqui, boa parte das propinas pagas por empresas privadas a políticos acabam tendo como foco alimentar as disputas eleitorais.

 

Procurador da República deve fundamentar não acesso a investigação de Lula, decide CNMP

22 de Junho de 2016 - 13:30

Os membros do Ministério Público que participar de uma investigação criminal que envolva o ex-presidente Lula, deve fundamentar as decisões sobre o acesso de advogados aos autos da investigação. A decisão foi tomada no plenário do Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP) nesta terça-feira (21). Por unanimidade, o voto do conselheiro Leonardo Carvalho foi acatado para que o procurador da República no Distrito que oficiar nas investigações contra Lula fundamente se o acesso aos autos representa um risco a investigação em curso. O conselheiro concluiu Leonardo Carvalho acatou parcialmente o pedido da defesa do ex-presidente e determinou que fique expresso que a negativa de acesso aos elementos de prova relacionados a diligências ainda em andamento ocorre em razão do risco de comprometimento da eficiência, da eficácia ou da finalidade das diligências, nos exatos termos da Lei nº 13.245/2016. O conselheiro julgou improcedente a alegação de defesa de que o procurador da República Douglas Kirchner vazara as informações do processo à imprensa, por falta de provas. A alegação de irregularidade em redistribuição dos autos a outros ofícios também foi julgada improcedente.

TV entrevista homem que diz ter sido amante de atirador de Orlando

22 de Junho de 2016 - 13:20

Em entrevista a uma emissora de TV dos Estados Unidos, um homem que preferiu não se identificar disse ter sido amante do atirador Omar Mateen, que matou 49 pessoas em uma boate gay de Orlando. O rapaz afirmou à TV Univisión, emissora latina norte-americana, que Mateen realizou o ataque por vingança contra os porto-riquenhos.Segundo ele, Mateen contou que uma vez teve uma relação sexual sem camisinha com dois porto-riquenhos que conheceu na boate Pulse e depois soube que um deles tinha o vírus da Aids. O homem disse ainda que conheceu o atirador através de um aplicativo gay e que após o ataque entrou em contato com o FBI para relatar o relacionamento. De acordo com a TV Univisión, o serviço de Inteligência dos Estados Unidos confirmou ter ouvido a testemunha. Ainda de acordo com o entrevistado, a esposa de Mateen sabia que ele era gay e mantinha um casamento de fachada com ele.

Promotoria denuncia 4 por crime de racismo contra jornalista da TV Globo Maju Coutinho

22 de Junho de 2016 - 12:50

O Ministério Público de São Paulo denunciou nesta terça-feira, 21, quatro investigados pelo crime de racismo contra a jornalista Maria Júlia Coutinho, da TV Globo. Érico Monteiro dos Santos, Rogério Wagner Castor Sales, Kaique Batista e Luis Carlos Félix Araújo também são acusados de falsidade ideológica, injúria, corrupção de menores na internet e associação criminosa na internet. A denúncia foi divulgada pelo repórter Walace Lara, da TV Globo. Maju, como a jornalista é conhecida, foi alvo de comentários racistas em julho de 2015, na página oficial do Jornal Nacional, no Facebook. Internautas escreveram posts pejorativos sobre a cor da pele da repórter em uma publicação que continha a foto dela com a previsão do tempo para o dia seguinte. Segundo a Promotoria, os quatro “juntamente com outras pessoas ainda não identificadas nos autos, associaram-se para formar uma sociedade criminosa cibernética, visando ao cometimento de crimes de falsidade ideológica e, posteriormente, de racismo, de injúria qualificada e de corrupção de menores, com estabilidade e permanência, no denominado ciberespaço”. “Para tanto, valeram-se de dados falsos, por eles próprios imaginados, com os quais abriram contas na rede mundial de computadores (internet em nomes de terceiros, já indicados acima como nicknames, omitindo-se dados verdadeiros, seus nomes e demais dados qualificativos reais nas referidas aberturas de “contas”. Tal providência tinha como um dos objetivos a autoproteção e a busca da impunidade, dificultando sua identificação, especialmente porque pretendiam valer-se de tais identidades falsas para a criação de grupos do Facebook que se caracterizavam como verdadeiras gangues virtuais”, aponta a denúncia.

Benito Gama diz que Cunha está fora do mandato

22 de Junho de 2016 - 12:40

c

Depois da entrevista de Eduardo Cunha utilizando espaços da Câmara dos Deputados como se continuasse ainda presidente (por hora está afastado do cargo) houve um reboliço total que deixou a Câmara em efervescência. O deputado Benito Gama (PTB) informa que 80% dos deputados passaram a estar contra ele, em reações fortíssimas que o levará fatalmente à perda do mandato. O próprio partido de Cunha, o PMDB, está posicionado contra com diversos candidatos ao cargo de presidente. No momento, ainda de acordo com Benito, afastados da disputa estão a esquerda e o PSDB. A disputa é tão intensa que, em Brasília, há jantares e almoços para se tentar chegar a bom termo. Para o deputado, o PMDB está com mais chances de êxito, por ser a legenda palatável pelo Palácio do Planalto, mas o DEM e o PSB são outros fortes concorrentes. Quanto a Eduardo Cunha o seu desgaste é total.

Latino teve prisão decretada, diz advogado da ex do cantor

22 de Junho de 2016 - 12:30

Não é de agora que o cantor Latino é alvo da Justiça pelo não pagamento de pensão alimentícia . Desta vez, de acordo com o advogado da modelo Jacky Blandy, o famoso teve o pedido de prisão decretado na segunda -feira (20), por não prover alimentos para o filho de 3 anos que teve com ela. Segundo o advogado de Jacky, Carlos Leal, o pedido de prisão foi confirmado, revelando que este foi um desenrolar de um pagamento de pensão que deveria ter sido feito em dezembro, mas foi, como informa o Ego. Na época, a defsa do cantor, o advogado Bruno Gomes Pinho garantiu que uma operação bancária havia sido realizada e que Latino não seria preso. "Ele não pagou a execução do pedido de pensão alimentícia na forma da lei. Lamentavelmente, Latino espera chegar nesse ponto para suprir as necessidades do menor, que está passando por diversas dificuldades ", explicou o advogado da modelo. Procurado pelo mesmo jornal, Latino negou a dívida: "Mentira! Eu estou processando ela inclusive por calúnia e difamação. Estou rodando um filme e não tenho tempo para ficar absorvendo essas coisas. Se eu for fazer as vontades de todos que me processam eu não vivo. Ela não quer trabalhar só quer viver de pensão. Complicado ! Eu pago o que posso. Não sou rico!"

Meus algozes são repórteres do Jornal Nacional, afirma Cunha

22 de Junho de 2016 - 12:20

Na manhã de terça-feira (21), a GloboNews interrompeu a programação para transmitir a entrevista coletiva de Eduardo Cunha. Mas as imagens geradas de um auditório no Hotel Nacional, em Brasília, foram cortadas assim que o presidente afastado da Câmara dos Deputados mirou sua artilharia contra a Globo. “Todos os dias, praticamente, por volta das 19 horas eu recebo um e-mail do Jornal Nacional, com uma matéria pronta de cinco minutos, e eu tenho apenas uma nota para soltar, para pegarem uma frase dela e colocar (no ar). Não se dignam sequer a tomar a minha versão da mesma forma que tomam as acusações. Tem alguns algozes meus que são frequentadores do Jornal Nacional. Já são quase repórteres adjuntos. Todos os dias são escalados em rodízio para poder falar”, reclamou o peemedebista. À noite, a edição do JN exibiu matéria de quatro minutos sobre a reaparição de Cunha. A repórter Zileide Silva mostrou a pequena manifestação contra o político diante do hotel e o protesto de parlamentares, no plenário, pelo fato de a entrevista ter sido transmitida ao vivo pela TV Câmara. Não houve citação das críticas de Cunha à Globo em relação ao tom da cobertura de seu processo de cassação de mandato. O político e a emissora estão em pé de guerra. Em nota divulgada no último dia 10, o deputado carioca acusou o canal de agir com ‘animosidade’ ao reportar as acusações da Operação Lava Jato contra sua mulher, Claudia Cruz, ex-apresentadora do Jornal Hoje. Após não ter o contrato renovado, em 2001, a jornalista acionou a Globo na Justiça. O embate terminou com o pagamento de uma indenização milionária. Dinheiro este usado pelo casal para justificar parte de seu patrimônio e a fonte dos gastos com um estilo de vida luxuoso. Em 2015, Claudia Cruz usou o Facebook para alfinetar a Globo. Admitiu mágoa por ter sido ‘apagada da história’ da emissora. A ex-âncora não foi citada em nenhuma das festividades dos 50 anos do canal. Em compensação aparece quase todos os dias nos telejornais de sua antiga casa. Ao virar notícia, ficou mais famosa do que nos tempos em que era apresentadora global.

Resumo policial dia 22/06/16

. Apresentação:

01:40 Procedente da Rua Antonio Conselheiro, foi apresentado pela PM a pessoa de Adeino Machado dos Angelo 26 anos, o qual roubou uma moto Honda Bros preta placa NZU 5996, e ao ser localizado pelos militares tentou fugir sendo detido.

. Assalto:

23:00 Vitima homem, caminhando próximo ao campo de bola do barreiro, quando foi abordado por dois elementos que estavam numa moto. O carona bastante agressivo, o ameaçou e subtraiu a sua carteira com documentos diversos e um celular.

. Furto:

08:00 Laguna Shopping, vitima mulher. Segundo ela possui um ponto comercial, e que ao chegar para trabalhar, notou que a porta estava danificada, de onde foi subtraído dois computadores completos.

. Furto: 13:20 Calçadão vitima homem. Ele relatou na delegacia, que ao adentrar no Bradesco, notou que a sua carteira havia sido furtada. Levaram todos os documentos mais a quantia de R$ 400,00 reais.

Idoso de 90 anos mata desafeto de 86

Por volta das 10:00 horas dava entrada no HRDB o senhor Oscar Teles da Costa de 86 anos, com ferimentos pelo corpo e na cabeça, provocados por golpes de foice, perpetrados pela pessoa de Argentino Brito de 90 anos. Segundo apurações, ele já se desentendiam a algum tempo, e no dia de ontem após mais uma discussão, seu Argentino armado de foice investiu contra seu Oscar culminando na morte.

O autor do delito foi levado a delegacia onde foi flagranteado

. Assalto: 18:00 Mangalô vitima mulher, segundo ela foi abordada por dois elementos, os quais armados anunciaram o delito, subtraindo a moto cinquentinha Shynerai Branca.

Aramari: Policia Militar vez uma grande operação ontem tentando coibir o trafico de drogas e assaltos, duas pessoas foram detidas:

Jorge Alves bastos de 38 anos, o qual possuía dois mandados de prisão em aberto. No momento da prisão ainda investiu contra a guarnição atirando.

Detido também Washigton Donizete Gomes da Silva 36 acusado de homicídio.

'Não renunciei e não tenho o que delatar', diz Cunha

22 de Junho de 2016 - 07:50

O presidente afastado da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), afirmou nesta terça-feira, 21, em entrevista coletiva, que sua posição de não renunciar ao comando da Casa “não mudou nem uma vírgula”. O peemedebista negou intenção de renunciar ou de fazer uma delação premiada neste momento. “Não renunciei e não tenho o que delatar”, afirmou. Ele disse que não pretende colaborar com a Justiça pois não cometeu qualquer crime. Cunha não respondeu, contudo, se descarta totalmente a tese de renúncia ou delação no futuro. Afastado da presidência da Casa desde 5 de maio, o peemedebista afirmou que a situação da Câmara, que está sendo presidida interinamente pelo deputado Waldir Maranhão (PP-MA), causa “desconforto a todos”. “Inclusive a mim”, afirmou o parlamentar. Cunha disse também que vai recorrer à Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da decisão de Maranhão de retirar consulta do colegiado que, se aprovada, abriria a possibilidade de mudar no plenário da Casa a cassação aprovada pelo Conselho de Ética por uma pena mais branda. O presidente afastado da Câmara também negou que tenha sido favorecido por Maranhão em outras decisões consideradas favoráveis a ele. De acordo com o peemedebista, as peças foram preparadas pelo corpo técnico da Casa. Questionado sobre o processo contra ele, afirmou não trabalhar com a hipótese de seu processo disciplinar ser votado pelo plenário da Casa. Ele disse confiar que a Comissão de Constituição e Justiça (CCJ vai atender seus recursos, os quais apontam nulidades nos trabalhos do Conselho de Ética. O peemedebista prometeu protocolar os recursos na próxima quinta-feira, 23. Eduardo Cunha afirmou que as mudanças de voto que aconteceram no Conselho de Ética foram motivadas por “efeito manada”. Apesar de não citar nomes, o peemedebista se referia ao deputado Wladimir Costa (SD-PA), que declarou voto a favor de Cunha no colegiado, mas mudou o voto de última hora, após a deputada Tia Eron (PRB-BA) anunciar que votaria contra Cunha.

Centro de Monitoramento recupera R$ 30 milhões e combate 'hackers fiscais'

22 de Junho de 2016 - 07:40

Empresas que tentam fraudar o fisco e, com isso, deixam de recolher milhares de reais para os cofres públicos são os principais alvos do Centro de Monitoramento On-Line (CMO), unidade de fiscalização da Secretaria da Fazenda do Estado (Sefaz-BA). Os centros estão presentes em Salvador, Vitória da Conquista e Feira de Santana e desde o ano passado já recuperaram mais de R$ 30 milhões e foram responsáveis pelo fechamento de mais de mil empresas fantasmas, na capital e no interior. A fiscalização permite que esse tipo de negócio seja localizado e encerrado em dois dias. Segundo o líder do CMO na Bahia, César Furquim, o monitoramento mapeou quatro tipos de empresas: aquelas que recolhem seus impostos; as que não cumprem suas obrigações por conta de algum tipo de desconhecimento legal ou dificuldade financeira temporária; as empresas que sonegam apostando que a fiscalização não chegará a elas; e ainda as empresas fantasmas, criadas pelos chamados ‘hackers fiscais’, constituídas para sonegar, fraudar licitações, acobertar cargas roubadas ou cometer estelionatos. Os dois últimos grupos são os principais alvos da fiscalização do CMO, que acontece em tempo real, por meio do monitoramento das notas fiscais eletrônicas. “As irregularidades geram ônus principalmente para o povo baiano. As empresas que deixam de pagar impostos prejudicam diretamente a população, e não uma pessoa ou uma entidade maior. Esse dinheiro que não é recolhido seria utilizado pelo Estado em prol do bem-estar social”, explica César Furquim. Além de investigar os fraudadores dentro da Bahia, os fiscais localizam hackers que também atuam em outros estados. Eles agem criando empresas para operar como ‘laranjas’, em prazos curtos, simulando a compra ou a venda de mercadorias para encobrir irregularidades.

Após morte de onça-pintada, Rio-2016 diz que errou e pede desculpas

22 de Junho de 2016 - 07:30

O Comitê Organizador dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos Rio-2016 usou as redes sociais na tarde desta terça-feira para repercutir a morte de uma onça-pintada que foi utilizada durante a passagem da tocha olímpica por Manaus, na segunda-feira. O animal silvestre foi abatido após fugir e tentar atacar uma pessoa. "Erramos ao permitir que a Tocha Olímpica,símbolo da paz e da união entre povos,fosse exibida ao lado de um animal selvagem acorrentado. Essa cena contraria nossas crenças e valores. Estamos muito tristes com o desfecho que se deu após a passagem da tocha. Garantimos que não veremos mais situações assim nos Jogos Rio-2016", disse o comitê em uma série de postagens no Twitter. Na segunda-feira, a tocha olímpica visitou o Centro de Instrução de Guerra na Selva (CIGS), em Manaus. Em determinado momento do revezamento, os condutores pousaram ao lado de duas onças-pintadas, mascotes da corporação. Ambas estavam acorrentadas. Após o fim do evento, uma das onças que participou da cerimônia, Juma, fugiu e foi abatida com tiro de pistola. "Uma equipe de militares composta de veterinários especializados no trato com o animal foi ao seu encontro para resgatá-la. O procedimento de captura foi realizado com disparo de tranquilizantes. O animal, mesmo atingido, deslocou-se na direção de um militar que estava no local. Como procedimento de segurança, visando a proteger a integridade física do militar e da equipe de tratadores, foi realizado um tiro de pistola no animal, que veio a falecer", disse o Comando Militar da Amazônia (CMA), em nota.

Governo edita MP que libera R$ 2,9 bi ao Estado do Rio para segurança na Olimpíadas

22 de Junho de 2016 - 07:20

O governo federal editou Medida Provisória em que destina R$ 2,9 bilhões ao Estado do Rio de Janeiro. Os recursos servem como apoio financeiro "para auxiliar nas despesas com Segurança Pública" em decorrência da realização dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos na cidade. A MP nº 734, de 21 de junho de 2016, foi publicada em edição extra do Diário Oficial da União (DOU) desta terça-feira (21). A medida destaca que o montante "será entregue ao Estado após a abertura do crédito orçamentário para a finalidade". Assinam a MP o presidente em exercício Michel Temer (PMDB), o ministro da Justiça e Cidadania, Alexandre de Moraes, e o ministro da Fazenda, Henrique Meirelles. Após encontro com Temer na semana passada, o governador em exercício do Rio de Janeiro, Francisco Dornelles (PP), decretou estado de calamidade pública na sexta-feira, 17, "em razão da grave crise financeira" do Estado. O decreto autorizou as "autoridades competentes autorizadas a adotar medidas excepcionais necessárias à racionalização de todos os serviços públicos essenciais, com vistas à realização dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos Rio 2016". Para justificar a medida, o governo fluminense elencou alguns itens: a grave crise econômica que assola o Estado do Rio de Janeiro; a queda na arrecadação, principalmente a observada no ICMS e nos royalties e participações especiais do petróleo; os esforços de reprogramação financeira já empreendidos para ajustar as contas estaduais. Além disso, foi mencionado que a crise vem acarretando "severas dificuldades" na prestação dos serviços públicos essenciais e pode ocasionar ainda o total colapso na segurança pública, na saúde, na educação, na mobilidade e na gestão ambiental. Durante entrevista coletiva para detalhar o acordo sobre a dívida dos Estados com a União, o ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, disse que os demais governos estaduais foram solidários à proposta de uma ajuda da União para o Rio de Janeiro para viabilizar a realização dos Jogos Olímpicos. "O estado de calamidade pública em decorrência de crise financeira demanda ação específicas", disse Meirelles. "Os demais Estados disseram que não irão declarar estado de calamidade pública, como fez o Rio de Janeiro", enfatizou o ministro.

"Não encaro o governo como interino", diz Temer

22 de Junho de 2016 - 06:50

 

Durante entrevista concedida ao canal GloboNews na noite desta terça-feira (21), o presidente interino Michel Temer admitiu encarar sua gestão como definitiva, embora o processo de impeachment contra a presidente Dilma Rousseff não esteja concluído. "[O governo interino ] é mais complicado por tem instabilidade. Me comporto como se o governo fosse definitivo porque o que está em jogo é o futuro do país", disse. Caso o governo se torne presidente definitivo, Temer afirmou que pretende avançar a reforma previdenciária como uma das prioridades de gestão. Temer voltou a negar que tenha traído Dilma e criticou a proposta de plebiscito por novas eleições. "Eu não traí ninguém, o que houve foi um processo de umpedimento, eu não fiz movimento nesse sentido", afirmou. "Convocar eleições depois de voltar, indica que ela não quer governar", disse. Num balanço dos primeiros 40 dias de gestão, Temer citou afirma que aprendeu a ser mais paciente. "Exercitei mais a paciência e vi como é difícil viver nesse país. Tenho respondido o quanto posso à essa provocação". O presidente também afirmou que acredita que não mais terá queda de ministros nesta gestão. Quanto à abertura das Olimpíadas, Temer manifestou vontade de que a processo de impeachment fosse concluído antes da cerimônia. "Esperava que o processo de impedimento fosse concluído antes das Olimpíadas. Do meu ângulo, não vai ser complicado", disse. Temer negou o corte de comida no gabinete de Dilma e explicar a limitação ao uso de aviões oficiais pela presidente. "Ela tem o palácio da Alvorada, do Torto, mas nao tem atividades de natureza governamental. Fui informado de que ela usaria o avião para denunciar um golpe, isso é uma situação exdrúxula. Jamais cortei comida, isso foi brincadeira", disse. A respeito da composição do gabinete, que foi criticado sobre a falta de diversidade, Temer alegou falta de tempo. "Tive sete dias para organizar o governo. Vejo em primeiro lugar como o problema central do Brasil o desemprego por causa do fenômeno econômico. Por isso, montamos uma boa equipe econômica", justificou.

Neymar proíbe uso de celulares em festa promovida por ele em SC, diz jornal

22 de Junho de 2016 - 06:40

Neymar está aproveitando bastante suas férias, viajando pelo mundo todo e curtindo muitas festas. Depois de visitar Ibiza, Nova York, Los Angeles e Las Vegas, o jogador contratou três jatinhos particulares para levar seus amigos para visitarem uma casa que ele possui em Santa Catarina. Segundo informações do jornalista Miguel Rico, do jornal catalão 'Mundo Deportivo', Neymar fez uma festa em uma boate local e, na entrada, os convidados eram orientados a entregar os celulares aos assistentes. Ainda de acordo com a publicação, o ex-namorado de Bruna Marquezine queria impedir que fotos pudessem circular nas redes sociais e evitar possíveis polêmicas. Vale lembrar que, no mesmo dia que o Brasil era eliminada da Copa América Centenário, Neymar se divertia na piscina de um resort em Las Vegas, ao lado do pai, Neymar Santos Silva, de amigos e várias mulheres. O episódio gerou repercussão negativa para o jogador tanto no Brasil quanto e na Espanha.

Após pedir Lexa em casamento, Guimê compra casa de R$ 2 milhões para casal

22 de Junho de 2016 - 06:30

O MC Guimê pediu a mão de sua namorada, a cantora Lexa, em casamento na última semana. Apesar do tempo de noivado ainda ser curto, o artista não perdeu tempo e desembolsou R$ 2 milhões em uma mansão, no Condomínio Alphaville de São Paulo, para o casal formar sua família. De acordo com o jornal Extra, o futuro lar dos dois tem oito banheiros. Em breve, o noivado deve ser formalizado num jantar, conforme a mãe da cantora quer e não abre mão. Lexa foi pedida em casamento durante uma viagem que os dois fizeram pelo Chile, o que foi mostrado através de um vídeo gravado por amigos. “O vídeo vazou. A Lexa não sabia. Eu não sabia. O Guimê até me pediu desculpas, me mandou uma mensagem linda. Sem um pedido formal não tem noivado. Sem isso, não dou a bênção”, contou Darlin, mãe da artista. Para ela, o casal deve dar exemplo aos irmãos mais novos. “Gosto das coisas bem direitinhas”, afirmou ela. Darlin ainda falou sobre a rapidez entre o início do namoro e o pedido de casamento, aceito prontamente pela cantora, após cinco meses juntos. “Eles estão muito apaixonados, acho isso ótimo. O Guimê faz a minha filha muito feliz. Mas acho que eles têm que ter bastante calma”, afirma ela.

Avião movido a energia solar sobrevoa Oceano Atlântico

22 de Junho de 2016 - 06:20

O avião Solar Impulse 2 sobrevoou o Atlântico nesta terça-feira (21), com sol e céu azul, rumo à Espanha, após ter decolado na véspera em Nova York. Esta é uma das etapas mais difíceis de uma volta ao mundo inédita usando energia solar como único combustível. "Acabo de acordar da sesta, um pouco cansado ainda, mas contente de ver o amanhecer sentado no meu pequeno #si2", escreveu nesta terça-feira no Twitter o piloto suíço Bertrand Piccard, que realiza este voo para promover as energias renováveis. O Solar Impulse 2 iniciou o voo na segunda-feira (20) no aeroporto John F. Kennedy, em Nova York, e demorará entre 90 e 110 horas para chegar ao destino desta 15ª etapa, o aeroporto de Sevilha, na Espanha. Ao amanhecer, as baterias do avião voltaram a se recarregar, após uma noite de voo alimentada pela energia gerada nas suas 17.000 células fotovoltaicas. "Não vão acreditar em mim, mas à minha direita vejo um iceberg no oceano Atlântico. Olhem!", relatou Piccard no blog que compartilha com o outro piloto do Solar Impulse 2, André Borschberg. Em sua primeira jornada sobre o Atlântico, Piccard viu baleias saltando sobre a água e uma maravilhosa lua cheia durante a noite. Às 10h30 desta terça (horário de Brasília), o avião completou mais de um terço do trajeto - 2.500 km em um dia e cinco horas, informou o Solar Impulse. Com o peso de um carro e uma envergadura de 72 metros, a aeronave voa a uma velocidade que geralmente não passa de 50 km/h, mas que pode dobrar com uma exposição direta ao sol. Por ser leve (1,5 toneladas), o Solar Impulse 2 é muito sensível às turbulências. O Solar Impulse 2 realiza sua volta ao mundo de 35.400 km em etapas, nas quais Piccard e Borschberg se revezam para pilotar este avião de quatro hélices. Em sua etapa mais longa, o Solar Impulse 2 voou 118 horas de Nagoya (Japão) até a ilha americana do Havaí. O piloto André Borschberg foi o responsável por conduzir a aeronave durante essa longa etapa, de 6.437 quilômetros, sobre o Pacífico ocidental, na qual foi batido o recorde de voo ininterrupto mais longo da história.

Ilhéus: Fazendeiros acusam índios de incendiar 20 hectares de terra

21 de Junho de 2016 - 18:20

Produtores rurais do município de Ilhéus, no sul da Bahia, acusam índios tupinambás de terem incendiado cerca de sete fazendas da região. O caso aconteceu no último final de semana, na localidade de Santaninha. Na manhã desta terça-feira (21), os produtores prestaram queixa na Polícia Ambiental da cidade. De acordo com os produtores, duas casas e pelo menos 20 hectares de pasto foram queimados. A área corresponde a aproximadamente 23 campos de futebol. Seis índios da tribo babau teriam participado da ação. As fazendas incendiadas ficam localizadas em uma região de conflito entre índios e fazendeiros. De acordo com os produtores, muitos deles foram obrigados pelos índios a deixar a área. O advogado da comunidade indígena, Valdir Farias, disse que não tem informações sobre o assunto. (G1 Bahia)

Em redes sociais, Dilma critica demora na concessão do reajuste do Bolsa Família

21 de Junho de 2016 - 17:40

A presidente afastada, Dilma Rousseff, usou novamente as redes sociais para criticar o governo do presidente em exercício, Michel Temer, o acusou de ter “obsessão” por cortes em políticas sociais e disse não entender a demora para a concessão do reajuste do Bolsa Família. “A primeira coisa que faremos ao voltar é pagar o reajuste do Bolsa Família. É claro que este governo provisório, ilegítimo e interino está comprometendo as políticas sociais do meu governo. Lutamos hoje e tomaremos todas as providências para reparar as danosas consequências de um governo provisório que tem obsessão por cortar as políticas sociais”, disse, em um bate papo com internautas ao lado da ex-ministra do Desenvolvimento Social e Combate à Fome, Tereza Campello. Dilma defendeu o programa Bolsa Família e afirmou “só um grande preconceito” com o programa pode explicar por que o aumento de 9% no benefício médio, que ela anunciou no Dia do Trabalho, não foi até hoje concedido. “Desde sexta, está sendo pago o benefício do Bolsa Família com zero de reajuste. É uma fantástica injustiça”, disse a petista. Ela citou o acordo feito pelo governo Temer com os Estados e também a ampliação do déficit fiscal como contradições para não conceder o aumento do Bolsa Família. “Não dá pra entender este governo golpista. Havia previsão de recursos para o aumento. Eles ampliaram o déficit fiscal. Eles concederam aumento para várias categorias do funcionalismo, fizeram uma anistia para os Estados, que segundo eles mesmos custará R$ 20 bilhões. Eles aumentaram vários outros gastos. Só não acharam dinheiro para dar o reajuste do Bolsa Família, cujo valor não passa de R$ 1,2 bilhão”, disse.

Criança sobrevive após ter galho de árvore atravessado no peito

21 de Junho de 2016 - 17:30

Um garoto de oito anos sobreviveu a um acidente no qual, ao cair de uma árvore, um dos galhos quebrou atravessando o seu peito. Familiares relataram à direção do Hospital de Urgência de Teresina (HUT) que o menino brincava com seus amigos quando o acidente aconteceu no final da tarde de segunda-feira (20). A família mora em Santa Filomena, a 925 km ao Sul da capital. Diante da gravidade do ferimento, o garoto teve que ser transferido para Teresina. Imagens da tomografia computadorizada mostram o galho atravessado no peito do garoto. Segundo o diretor do HUT Gilberto Albuquerque, o garoto teve sorte, pois é um caso delicado e o paciente corria risco de morte. Uma cirurgia foi feita na manhã desta terça-feira (21) para a retirada do galho. "Ele sofreu uma perfuração muito grande porque o galho atravessou o seu peito até sair pelo ombro direito. O menino poderia sofrer lesões no pulmão, fígado e, caso o galho tivesse atingido poucos centímetros do lado esquerdo, o coração ou artérias seriam perfurados, mas nada disso aconteceu", falou o médico. Apesar da gravidade, o médico garantiu que o garoto não terá sequelas e que o corte não afetou nenhum órgão vital. "O paciente encontra-se no leito em recuperação e o seu estado é estável. A madeira foi retirada e o ferimento suturado", disse Gilberto Albuquerque. (G1)

Conselho descarta abuso de ex-procurador em inquérito sobre Lula

21 de Junho de 2016 - 17:20

O CNMP (Conselho Nacional do Ministério Público) acolheu parcialmente um pedido de providências feito pela defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva contra a conduta de um ex-procurador do Ministério Público Federal em Brasília. Em decisão unânime, o plenário do colegiado reconheceu a reclamação dos advogados sobre a dificuldade de acesso aos elementos do inquérito da Procuradoria da República no Distrito Federal que investiga se o ex-presidente praticou tráfico de influência junto ao BNDES em favor de construtoras. A defesa apontava ainda a ocorrência de outras duas supostas irregularidades cometidas pelo ex-procurador Douglas Kirchner, que já foi demitido do órgão sob acusação de ter consentido e participado de agressões a uma mulher em 2014. Os advogados de Lula levantaram suspeitas de que o ex-integrante da Procuradoria vazou a investigação sigilosa para a revista "Época", além de ter manipulado a distribuição do inquérito internamente para permanecer à frente do caso, que, na avaliação da defesa, deveria ter migrado para o gabinete de outro procurador. O plenário do CNMP, porém, rechaçou as duas últimas reclamações dos representantes de Lula. Os conselheiros argumentaram não haver qualquer prova de que o ex-procurador tenha repassado informações ao veículo de comunicação. Quanto ao processo de distribuição, entenderam que não foram encontrados indícios flagrantes de manipulação e, por isso, não cabe ao CNMP interferir sobre o tema. O relator do pedido de providências, conselheiro Leonardo Henrique de Cavalcante Carvalho lembrou que, após a publicação da reportagem pela revista, o próprio integrante do Ministério Público solicitou uma investigação sobre o vazamento do material sigiloso. "Acusá-lo [o ex-procurador] porque ele era responsável pelos feitos é desproporcional. E o próprio procurador pediu para instaurar procedimento para apurar o vazamento", sustentou. Com informações da Folhapress.

HP lança recall de laptops comprados entre 2013 e 2015

21 de Junho de 2016 - 16:50

A HP anunciou nesta terça-feira (21) um recall de laptops comprados entre março de 2013 e agosto de 2015. Alguns dos produtos apresentam problema de superaquecimento de bateria. De acordo com a empresa, menos de 1% dos aparelhos têm o defeito, mas a chamada vale para todos os consumidores. A empresa fará troca gratuita de bateria para todos os consumidores que têm computadores comprados no período. A HP também oferece um software de análise de bateria. Os usuários que detectarem o problema podem preencher um formulário no site da empresa. Depois, a companhia entrará em contato por e-mail.

Governo pode colaborar em eventual plano de venda da Oi

21 de Junho de 2016 - 16:40

O governo federal reconheceu nesta terça-feira (21) que poderá ajudar na elaboração de um plano de venda da operadora Oi, que entrou na segunda-feira (20) com pedido de recuperação judicial após fazer uma dívida de R$ 65,4 bilhões. Segundo o ministro da Casa Civil, Eliseu Padilha, caso a empresa de telecomunicações solicite auxílio, o BNDES e o Banco do Brasil poderão ajudar na elaboração de um plano de venda com o objetivo de recuperar os empréstimos feitos à companhia privada e impedir demissões em massa. O ministro negou, no entanto, que o Palácio do Planalto possa fazer uma interferência ou qualquer aporte financeiro para socorrer a empresa de telefonia. Segundo a reportagem apurou, o Palácio do Planalto tem tentado encontrar um comprador estrangeiro, mas, até o momento, não teve sucesso. "Toda grande fonte de trabalho e de empregos interessa muito ao governo federal, porque estamos vivendo um momento de dificuldades. Até o momento, não há nenhuma manifestação no sentido de interferir diretamente, mas, por certo, nossos agentes do sistema financeiro nacional estarão prontos a prestar uma colaboração no sentido de intermediar e preparar um projeto de buscas de parcerias se for o caso para a empresa. Não há, no entanto, hipótese do governo entrar com recursos financeiros neste caso", disse. A Oi é a maior operadora do Brasil em telefonia fixa, empatada com a Vivo (cada uma tem participação de 34,4%), e a quarta em celular, com 18,6% do mercado. O BNDES, o Banco do Brasil e a Caixa são os maiores credores individuais da empresa privada. A maior parte da dívida da companhia de telefonia é financeira (cerca de R$ 50 bilhões). Entram ainda na conta cerca de R$ 14 bilhões em contingências -como multas da Anatel e discussões judiciais- e cerca de R$ 1,5 bilhão para fornecedores. Da dívida financeira, cerca de 70% são em moeda estrangeira e boa parte vence neste ano. Somente no primeiro trimestre, a empresa queimou R$ 8 bilhões do caixa, a maior parte para honrar parte desses compromissos. Com informações da Folhapress.

Papa condena pena de morte e afima que a prática é inadmissível

21 de Junho de 2016 - 16:30

O papa Francisco voltou a afirmar, nesta terça-feira (21), que a pena de morte é “inadmissível”, por mais grave que seja o crime que a pessoa tenha cometido. “É uma ofensa à inviolabilidade da vida e à dignidade da pessoa humana que contradiz o desígnio de Deus sobre o homem e a sociedade e sobre a justiça misericordiosa”, acrescentou. A declaração do pontífice integra uma mensagem divulgada em vídeo durante a realização do 6º Congresso Mundial contra a Pena de Morte, que acontece em Oslo, na Noruega. Ainda segundo o líder religioso, com a pena de morte “não se faz justiça às vítimas, mas se fomenta a vingança”. Francisco concluiu dizendo que o mandamento “não matarás” é válido tanto para os inocentes como para os culpados. Desde que assumiu a liderança da Igreja Católica, em março de 2013, o papa Francisco tem feito críticas à maneira como alguns Estados violam os direitos ao aplicar sentenças de morte. Em 2015, ele fez um discurso inédito ao Congresso dos Estados Unidos, como o primeiro líder da Igreja Católica a tomar a palavra no plenário, e pediu a abolição da pena de morte no país. (Ansa)

Prefeito anuncia assinatura de contrato para empréstimo de U$$ 11,5 milhões

21 de Junho de 2016 - 16:20

Único município do Nordeste que se preparou para receber e aplicar investimentos internacionais. Alagoinhas sai dos becos para as grandes avenidas. Isso porque será assinado na segunda semana de julho o contrato com o Banco de Desenvolvimento da América Latina (CAF). A data foi anunciada pelo prefeito Paulo Cezar na manhã dessa terça-feira, 21, nos veículos de comunicação do município. Equilíbrio fiscal e econômico, investimentos com recursos próprios executados como contrapartida e um projeto que torna o município como um dos mais modernos na Infraestrutura e Urbanismo. São 11,5 milhões de dólares, que convertidos para a moeda nacional chegam aos R$ 40 milhões.

Tudo começou com o Projeto de Requalificação Urbana iniciado no primeiro ano de gestão do prefeito Paulo Cezar. A cidade necessitava de um planejamento econômico, social e de infraestrutura. Aprovado em 2011, pela Câmara de Vereadores de Alagoinhas, o “Projeto de Requalificação Urbana, Ambiental e Social” é o maior já realizado na história da cidade. Aliado ao desenvolvimento econômico e social, com o empréstimo Alagoinhas antecipa o desenvolvimento urbano dos próximos 15 anos.

Durante os últimos dois anos, diversas etapas técnicas e políticas foram vencidas para que os recursos fossem liberados. Reuniões, viagens à Brasília, atualização de planilhas, garantia do endividamento, manutenção dos ajustes fiscais e econômicos e aprovações de todas as contas da atual gestão. As parcerias políticas também foram fundamentais. A aprovação no senado, com o apoio e agilidade dos senadores Lídice da Mata e Walter Pinheiro e do então ministro da Casa Civil Jaques Wagner.

Após meses de expectativa da população, no dia 02 de fevereiro de 2016, foi publicado no Diário Oficial da União a autorização pelo Governo Federal para a assinatura do empréstimo. “Batalhamos durante quatro anos e agora vamos transformar ainda mais a nossa cidade. Agradeço muito a toda a minha equipe de secretários e técnicos envolvidos nesse processo. Essa é uma vitória do povo de Alagoinhas”, ressalta o prefeito Paulo Cezar.

Aplicação dos recursos

Os recursos, destinados às obras que já foram aprovadas, serão divididos em duas etapas. A primeira, já licitada, no valor de R$ 22,5 milhões trata da construção de quatro avenidas estruturantes, mais a ligação entre a Rua Santos Dumont com a 13 de Junho. Também haverá a ligação da Rua Renato Bittencourt à Praça da Prefeitura e a construção de uma ponte sob o Rio Catu, além da ligação entre a Avenida Ayrton Senna e a Paulo Afonso e a Estrada do Caminhoneiro, que liga a Avenida Joseph Wagner ao Mangalô.

Um dos atores que mais se empenharam para a concretização desse empréstimo foi a Secretaria de Infraestrutura e Planejamento Urbano (SECIN). Lá surgiram os projetos de drenagem, meio fio, passeios e pavimentação nos bairros de Alagoinhas Velha, Alagoinhas IV, Novo Horizonte, Cavada, Parque Havaí, Jambeiro e Rodoviária que fazem parte desse primeiro momento do projeto. Na segunda etapa, que ainda será licitada serão contemplados: Irmã Dulce, Alto Sagrado Coração de Jesus, Padre Araguaia, Alto da Cruz, Vila Maçal, dentre outros, além da reurbanização das praças J.J. Seabra e Ruy Barbosa.

Amortização da dívida e fiscalização dos recursos

O crédito externo será desembolsado em 36 meses, a partir da assinatura do contrato, e os recursos serão amortizados em 24 prestações semestrais, consecutivas. A primeira parcela vencerá 42 meses após a data de assinatura do contrato.

Como em todo o empréstimo com instituições financeiras, o município recebe os valores, através de uma conta bancária específica. A cada etapa concluída pela construtora vencedora da licitação, agentes fiscalizadores como a Unidade de Gerenciamento do Programa (UGP), Câmara de Vereadores, servidores ligados ao município, uma empresa de auditoria contratada, além de fiscais da própria CAF acompanham o andamento das obras e as medições.

Além da Secretaria de Infraestrutura e planejamento Urbano (SECIN), estão diretamente ligadas ao Projeto de Requalificação Urbana, Ambiental e Social as secretarias da Fazenda (SEFAZ), Planejamento (SEPLA) e Procuradoria Jurídica (PROJU).

Operação Turbulência: PF cumpre quatro de cinco mandados de prisão

21 de Junho de 2016 - 15:50

Quatro dos cinco mandados de prisão da Operação Turbulência, deflagrada na manhã desta terça-feira (21), já foram cumpridos pela Polícia Federal (saiba mais). A ação investiga as empresas proprietárias da aeronave na qual o ex-governador de Pernambuco Eduardo Campos estava no dia do acidente fatal, em 13 de agosto de 2014. João Carlos Lyra Pessoa de Melo Filho e Eduardo Freire Bezerra Leite, apontados como donos do Cessnar Citation PR-AFA, foram presos quando desembarcavam em São Paulo. Eles estão sendo encaminhados para Recife. De acordo com a investigação da PF, as empresas que possuem a aeronave são de fachadas e foram abertas em nome de laranjas. As companhias realizavam transações entre si e com outras empresas, incluindo algumas envolvidas na Operação Lava Jato, participando da formação de caixa-dois de empresas e pagamento de propinas a políticos.

São Felipe: Quadrilha detona banco e atira contra delegacia e residências

21 de Junho de 2016 - 15:40

Um grupo armado explodiu caixas eletrônicos de uma agência bancária de São Felipe, no Recôncavo baiano, na madrugada desta terça-feira (21). Parte da agência ficou destruída com as detonações. O ataque ocorreu por volta de 2h30 contra a agência do Bradesco, situada na rua Góes Calmon, centro da cidade. Segundo informações da Polícia Civil, os bandidos ainda atiraram em direção à delegacia e a algumas casas da cidade na fuga. Ninguém ficou ferido na ação. Ainda não foi informado se o bando conseguiu levar alguma quantia da agência, que neste momento está isolada para perícia. Policiais fazem ronda na região na busca pelos criminosos.

Ilhéus: Estudante sofre tentativa de estupro em banheiro de faculdade

21 de Junho de 2016 - 15:30

Uma estudante do curso de Direito da Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC), em Ilhéus, no sul da Bahia, teria sofrido uma tentativa de estupro. O caso teria ocorrido após a estudante passar mal e ter uma convulsão, na sexta-feira (17). Segundo testemunhas, a jovem estava caída no banheiro quando um homem entrou. Ainda conforme relatos, o acusado fingiu que iria ajudar e tentou assediar a vítima. Outra aluna entrou no banheiro e impediu o abuso. De acordo com o G1, a vítima foi retirada do banheiro e socorrida. O agressor ainda não foi localizado. Por conta da tentativa de estupro, um grupo de mulheres da universidade criou a página “Assédio Uesc” para receber denúncias. A reitoria da Uesc afirmou que mobilizou guardas da universidade para localizar o acusado, mas ainda não encontrou o suspeito.

Equipe de Dilma prepara financiamento coletivo para financiar viagens

21 de Junho de 2016 - 15:20

Após perder a presidente afastada Dilma Rousseff o direito de viajar pelo país nos aviões da Força Aérea Brasileira (FAB), sua equipe prepara uma campanha de financiamento coletivo (crowdfunding) para arcar os custos de suas viagens. Segundo informações da coluna de Mônica Bergamo, até então o PT estava custeando o traslado, mas o custo estava ficando pesado para o partido. Acompanham Dilma ao menos dez assessores, incluindo médico, jornalistas, fotógrafo e seguranças. A legenda pagou apenas uma viagem feita por ela há duas semanas, para um encontro com intelectuais em Campinas. Nesta segunda, sua presença estava confirmada em São Paulo, no lançamento de um livro, mas ela não compareceu. Com a fuga de contribuições de empresas, o Instituto Lula também está fazendo economia. Os projetos já em andamento, focados na América Latina e África, estão sendo financiados por recursos arrecadados em 2013 e 2014. A empresa de Lula também está praticamente parada – o ex-presidente não fez nenhuma palestra neste ano.

PF deflagra operação que investiga donos de avião que levava Eduardo Campos

21 de Junho de 2016 - 13:40

A Polícia Federal deflagrou uma operação na manhã desta terça-feira (21), que investiga um esquema de lavagem de dinheiro em Pernambuco e Goiás, que teria movimentado mais de R$ 200 milhões desde 2010. A ação foi batizada de "Operação Turbulência". A apuração começou a partir da análise de algumas transações suspeitas verificadas nas contas das empresas que compraram o avião Cessna Citation PR-AFA que transportava o ex-governador de Pernambuco Eduardo Campos, no dia do acidente que o matou, em agosto de 2014. A PF descobriu que as empresas eram de fachadas, criadas em nome de “laranjas”, que realizavam operações entre si e com outras companhias, incluindo algumas envolvidas na Operação Lava Jato. A suspeita é de que parte dos recursos foram destinados ao pagamento de propina para políticos e caixa-dois de empreiteiras. Duzentos policiais federais participam da ação, que cumpre 60 mandados judiciais, sendo 33 de busca e apreensão, 22 de condução coercitiva e cinco de prisão preventiva. Também estão sendo cumpridos mandados de indisponibilidade de contas e sequestro de embarcações, aeronaves e helicópteros dos principais membros da organização criminosa. Os mandados judiciais estão sendo cumpridos em 16 localidades em Pernambuco, além do Aeroporto Internacional dos Guararapes Gilberto Freyre, na Zona Sul da capital. Em Recife, a PF cumprirá mandados nos bairros de Boa Viagem, Pina, Ibura Vitória de Santo Antão, Pau Amarelo, Imbiribeira, Piedade, Cordeiro, Espinheiro, Alto Santa Terezinha, Barra de Jangada, Ibura, Moreno, Várzea, Lagoa de Itaenga, Pina, Muribeca e Prazeres.

ACM Neto será o responsável se morrer alguém na Suburbana, afirma Trindade

21 de Junho de 2016 - 13:30

 

O vereador José Trindade (PSL) considera que “o prefeito ACM Neto será responsabilizado por possíveis acidentes que ocorram na Avenida Suburbana, inclusive se houver mortes”. A preocupação do parlamentar é proveniente das “reduzidas” dimensões da ciclovia no local prevista para ser inaugurada em breve. Conforme explica o vereador, a lei determina que a largura mínima para uma ciclovia seja de 1,20 metros, para casos de circulação unidirecional de tráfego de bicicletas, mas a projetada na Suburbana tem apenas 90 centímetros, como expl ica o vereador. “Ou seja, a total inadequação aos parâmetros legais poderá aumentar o número de acidentes na via”. Conforme mostram dados da própria Transalvador, somente no ano passado foram registrados 17 acidentes com vítimas fatais na Suburbana. Segundo o órgão, a avenida é a terceira mais perigosa de Salvador quanto ao número de acidentes, registrando mais de mil ocorrências em 2015. O vereador Trindade observa que “a inadequação às normas e parâmetros legais definidos pelo Plano de Mobilidade por Bicicletas, do Ministério das Cidades e pelo Manual do Contran poderá aumentar, sensivelmente, o número de acidentes na via”.

Em voo, Paulinho da Força ouve ‘Paulinho da Farsa’, ‘golpista’

21 de Junho de 2016 - 12:50

O deputado Paulinho da Força (SD-SP) foi hostilizado por passageiros de um voo na noite de domingo, 19. Em vídeo que circula nas redes sociais, um passageiro, em pé, chama o parlamentar de ‘Paulinho da Farsa’ e ‘golpista’. Em seguida, outros passageiros gritam em coro: ‘Golpista, golpista’. Paulinho da Força votou a favor da abertura do processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff (PT), em abril. Em sua rede social, nesta terça-feira, 21, o deputado afirmou que agradeceu ‘a todos os que se solidarizaram comigo contra a hostilização que sofri por parte de uma tropa petista no último domingo’. “Continuarei meu trabalho por um país mais justo, com emprego e desenvolvimento para toda a população”, afirmou. Nas imagens, o passageiro diz ‘não queremos corrupto ao nosso lado’. “Eu, como cidadão, fico indignado em viajar ao lado de uma pessoa que quer retirar direito dos trabalhadores”. O vídeo mostra ainda que uma comissária abordando o passageiro, numa tentativa de acalmar a situação. “Senhor, por gentileza”. Leia mais no Estadão.



 
 
 
linha190

 
linha190 
 
 
  Partido Social Cristãobr /> O ser Humano em Primeiro Lugar
 
 
 
 
 
 
 

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Rua Bahia trolar tel: (75) 3422- 2912

 
 
  98805-8021/3423-3378/98190-1576
 
 
Contatos 
Marcus Aragão
Caio Costa

Erica Manoela
Paulo Pinto

Liliane Pimenta
Colunas
Pau na preá
Falando direito

Tecnologia

Notícias
Relatório policial
Alagoinhas


Mundo
Saúde
Esporte
Beleza